"De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha
de ser honesto".

(Rui Barbosa)


quarta-feira, 30 de junho de 2010

Faisal sai a estadual com o número 45100

No final da tarde  a assessoria de Faisal Salmen confirmou que na convenção do PSDB, realizada hoje, em Belém, ele tinha confirmado sua candidatura a deputado estadual, com o número 45100.  Apesar das especulações e pressões para que ele, Faisal se aventurasse a federal, Faisal manteve sua  proposta  inicial, aliás, como o blog já havia antecipado. As cartas já estão na mesa e  quem apostou que Faisal abriria para outras candidaturas perdeu.

Josemir Santos - 2310

Notícias de Belém. Terminada a convenção  do PPS, o nome de Josemir Santos foi aprovado e  homologado com candidato a deputado federal. Seu número 2310

Valéria é candidata ao Senado na coligação do PSDB

Finalmente e a coisa começa a clarear no âmbito estadual. O DEM que bateu o pé e exigiu a indicação de Valéria Pires Franco como candidata ao Senado para participar da coligação liderada pelo PSDB, conseguiu o seu intento. Valéria é a candidata da coligação e o vice da chapa de Jatene é Elenilson, uma liderança em ascensão da região de Santarém.

Ficaram de receber hoje

Depois de não conseguirem falar com o prefeito Darci Lermen para tentar resolver o problema do pagamento dos jornais e redes sonoras nos últimos dias, os veículos de comunicação que tem cerca de R$ 400 para receber da prefeitura ficaram de resolver o problema  hoje. Vamos aguardar os desdobramentos das negociações.

Sessão de encerramento apenas amanhã

A sessão legislativa de encerramento do semestre  que estava prevista para ser realizada  hoje a tarde, foi adiada para amanhã. Os motivos não foram divulgados.

Depois de hoje, o recesso

Hoje, às 16 horas acontece a última sessão do semestre. Depois dela, o recesso. Depois de quase cinco meses, os vereadores saem para as férias de semestre com a sensação de que poderiam  fazem um pouco mais. Pelo menos foi isso que eles deixaram claro na sessão ordinária de ontem.  Vamos aguardar que de volta, com a pilha recarregada, eles possam se conscientizar que não há na da mais efêmero do que  o poder e que biografia é algo muito importante, pelo menos para que  tem princípios.

Todo mundo nas convenções estaduais

A cidade está  vazia. Vários pretensos candidatos participam agora das convenções. Josemir Santos esteve em Belém tem o seu nome homologado para  deputado federal; Hipólito Reis também participa da convenção pelo PSC; Faisal  viaja hoje para a convenção do PSDB, mas já até escolhei o número, deve ser 45100, o mesmo que ele concorreu em três oportunidades.

Segundo informações, Jonas Alves, do PHS  também viajou e deve ter sue nome homologado para deputado estadual. O mesmo acontece com Valmir da Integral que também é candidatíssimo. Essa foi a informação passada ao blog no fim de semana.

Frase complementada

Na sessão de terça, o  vereador Adelson Fernandes mandou uma frase: “O prefeito precisa agir, porque se ele não agir, a Câmara vai agir”. Paquinha, que estava na galeria só emendou: “E se a Câmara não agir, o povo vai agir”.

Exigência do diploma de jornalismo terá parecer na Câmara de deputados dia 07

O relator da PEC 386/09 deverá apresentar seu parecer à Comissão Especial da Câmara dos Deputados no dia 7 de julho. A nova data foi informada na audiência pública da Comissão realizada nesta quarta-feira (23/06). Com exceção da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT), todas as entidades e especialistas ouvidos pela Comissão até o momento afirmaram que a exigência do diploma qualifica o Jornalismo e não fere a liberdade de expressão.

Dando prosseguimento aos seus trabalhos, a Comissão Especial já realizou três audiências públicas. Uma delas ocorreu no dia 16 de junho e contou com as participações do autor da PEC, deputado Paulo Pimenta (PT/RS), do advogado constitucionalista Ivo Dantas, e do secretário-geral do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Marcos Vinícius Furtado Coelho.

Constituição veda a censura, não a regulamentação profissional

Dantas enfatizou que o diploma e o registro de jornalista não ferem o direito à liberdade de expressão. "A Constituição veda a censura, mas não a regulamentação profissional. Só quem frequentou os bancos da universidade pode enfrentar os desafios técnicos do ofício. Uma noticia mal apurada pode causar dano moral ou comoção popular", disse. Marcos Vinícius Furtado Coelho, reforçou tal concepção, sustentando que a formação ética e técnica contribui para o exercício responsável da liberdade de imprensa.

No dia 17, quando atos públicos realizados em diversos estados lembraram a passagem de um ano da fatídica decisão do STF que derrubou com a exigência do diploma para o exercício da profissão, os deputados Hugo Leal (PSC/RJ), Arolde de Oliveira (DEM-RJ) e Chico Alencar (P-SOL-RJ), visitaram a Associação Brasileira de Imprensa (ABI). O posicionamento da entidade foi apresentado por seu presidente, Maurício Azedo. "A ABI tem uma posição histórica de defesa da formação em nível superior dos profissionais de imprensa, para que se tenha um alto padrão técnico, cultural e ético do jornalismo que se pratica no país", disse.

O encontro contou, também, com as participações dos presidentes da FENAJ, Sergio Murillo, do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Município do Rio de Janeiro, Suzana Blass, e do Sindicato dos Jornalistas do Estado do Rio de Janeiro, Ernesto Viana, que pouco antes participaram de um ato em defesa do diploma em frente à sede da ABI.

A terceira audiência pública da Comissão Especial, realizada nesta quarta-feira (23/06), contou com as participações do presidente da Associação Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo (SBPJor), Carlos Franciscato, do coordenador do curso de Comunicação Social da PUC-Rio, Leonel de Aguiar, do diretor do Fórum Nacional de Professores de Jornalismo (FNPJ), Edson Spenthof, do presidente da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom), Antonio Carlos Hohlfeldt, advogada e professora de Comunicação Leise Taveira dos Santos, e do representante da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert), o advogado Rodrigo Kaufmann.

Fim da exigência do diploma desqualifica o Jornalismo

Os depoimentos na Comissão reafirmaram que foi um equívoco do STF confundir liberdade de expressão com o livre direito ao exercício da profissão e que o fim da exigência do diploma resultará na desqualificação do exercício da profissão de jornalista. Apenas o representante patronal considerou que ter o diploma como único meio de acesso ao jornalismo constitui um problema e que o exercício profissional do jornalista se vincula ao direito à liberdade de expressão na Constituição brasileira.

Atento aos argumentos e disposto a evitar que a aprovação da PEC 386/09 venha a ser questionada judicialmente no futuro, o relator da matéria já anunciou que dará nova redação à proposta para evitar interpretações de inconstitucionalidade. Seu objetivo é distinguir claramente os conceitos de liberdade de expressão dos meios de comunicação e de atividade jornalística.

Mobilização

O objetivo dos integrantes da Campanha em Defesa do Diploma é ampliar as articulações com parlamentares para que a tramitação da matéria evolua mais em julho e que em agosto, após o recesso parlamentar, a matéria esteja pronta para votação no plenário da Câmara dos Deputados. Neste sentido a orientação é para que os apoiadores do movimento enviem mensagens de sensibilização aos membros da Comissão Especial e aos líderes de bancadas na Câmara pela aprovação da PEC. A coordenação do movimento pede, também, que prossigam as manifestações aos senadores pela aprovação da PEC 33/09, do senador Antônio Carlos Valadares (PSB/SE)

Jeca Tatu – Jovens do Cangaço é campaã

QUADRILHA

Foto: Blog do Waldyr

A praça de Eventos ficou pequena no período de 22 a 28. A realização do VIII Festival Jeca Tatu mobilizou a população que compareceu ao local,  fazendo da praça um ponto de encontro das famílias.

Com o tema voltado ao poeta popular cearense Antônio Gonçalves da Silva, o popular “Patativa do Assaré”, que dentre outras canções conhecidas, notabilizou-se pela música “Triste partida”, eternizada na voz de Luiz Gonzaga, a população teve oportunidade de conhecer um pouco mais da vida desse importante compositor  nordestino. 

Além de comidas típicas, como tacacá, vatapá, bolo de milho, mingau,  mugunzá, os presentes puderam curtir grupos de forró, apresentação de capoeira, grupos folclóricos e o tradicional concurso de quadrilha, que este ano foi subdividido em três categorias. Mirim, salão e caipira.

As apresentações de quadrilha monopolizaram as atenções do público. Coreografias, figurino, evolução foram alguns quesitos analisados pelos jurados. Na segunda-feira 28, saiu o resultado da competição. Na categoria Mirim, ganhou a quadrilha Buscapé; categoria Salão, a quadrilha Rosas de Ouro obteve a maior nota e se sagrou campeã e por fim, a Jovens do Cangaço ganhou a competição mais uma vez, faturando o título da categoria Caipira.

terça-feira, 29 de junho de 2010

Grupo viaja à Belém para formar uma nova provisória do PTC

Várias convenções estuais acontecem nos três próximos dias. Segundo informações, o PTC estará realizando sua convenção amanhã e homologando a coligação com mas seis partidos para as eleições proporcionais. Aliás, sobre o PTC, um grupo de pessoas de Parauapebas es tá  seguindo para a capital do Estado para formar uma nova provisória. Em tempo. a provisória presidida por este blogger será substituída em função do pedido de desligamento do blogger.

R$ 20 mil pelo corpo

Ainda sobre o caso Ana Karina, de acordo com relato de pessoas ligadas a família da comerciárias, a equipe de mergulhadores que acharam o corpo do irmãos Novelino propôs trabalhar na busca do corpo por R$ 10 mil, mais despesas com estadia e alimentação. Caso o corpo seja encontrado o valor dos serviços passa a ser de R$ 20 mil. É razoável.

Campanha

Nos próximos dias acontece uma campanha com o fim de angariar fundos para intensificar as buscas do corpo da c comerciária Ana Karina, cruelmente assassinada em maio, cujo corpo supostamente jogado no rio Itacaiunas ainda não foi encontrado.

A ideia é manter uma equipe de mergulhadores  permanentemente no local até encontrar o corpo.

A família da jovem solicita a quem quiser ajudar que  deposite qualquer quantia em dinheiro na conta  1167-3, agência  2008-7, Bradesco Parauapebas. Contato Maria Iris, fone 8114 8224.

Coletiva na quinta

O delegado de Polícia Civil André Albuquerque ficou de falar com a imprensa hoje pela manhã sobre o caso Ana Karina, mas, em razão da ausência do promotor que gostaria de participar da conversa, a coletiva ficou para a quanta-feira, pela manhã no auditório da Câmara de vereadores.

PA Valentim Serra

O Instituto Chico Mendes (antigo Ibama) deve abrir  o olho. Na  região conhecida como PA Valentin Serra o vai e vem dos caminhões madeireiros assusta. Segundo um dos moradores que não quis se identificar, a movimentação acontece a noite com o propósito de driblar a fiscalização. 

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Ganhar é bom, de três então, é melhor ainda

COPA

Galera bonita e feliz                       comemorando sem moderação

COPA 1

O que  um 3 a 0 não faz                 Enrolado na  bandeira

COPA 2

No Posto Pantanal a animação foi flagrante

COPA 3

Essas duas estão com tudo e não estão prosa.  Roni e namorada

Brasil manda Chile de volta pra casa. 3 a 0

Pela primeira vez nesta Copa, o Brasil apresentou um bom futebol e o  resultado não poderia ser diferente. Brasil 3, Chile 0.

Com gols de Juan, Luís Fabiano e Robinho, o Brasil não tomou conhecimento do Chile e se classificou com tranqüilidade para as quartas de final. Na sexta-feira a pedreira é contra a Holanda que joga um futebol insinuante, estilo sul americano, entretanto se jogar como jogou hoje, a classificação é certa. .

 

Brasil x Chile – tem que jogar bola

Daqui a uma hora mais ou menos o Brasil entra em campo para decidir sua sorte na Copa do Mundo da África   do Sul. Se vencer o Chile pega a Holanda pelas quartas de final na sexta. Se perder vem ver o resto da Copa pela TV.

Falando sério, o jogo não será fácil e Chile já mostrou que tem uma time bom, que joga pra frente e não tem medo de bicho-papão. Foi assim que eles se deram bem nas eliminatórias e é assim que eles fizeram uma excelente campanha na primeira fase.

Se o Brasil jogar  o que sabe passa até com uma certa tranqüilidade, ´mas tem que jogar bola.

Todo mundo na torcida.

Moradores da Chácara das Nuvens protesta na Palmares Sul

Só pra variar um pouquinho, os moradores da Chácara das Nuvens, localizada entre a Chácara das Estrela e a chácara da Lua voltaram a se manifestar, dessa vez eles estiveram na vila Palmares Sul, onde no domingo de manhã se realizava mais uma sessão legislativa  itinerante.

Os moradores, liderados pela presidente da Associação do Moradores, Ângela Lúcia protestaram conta a falta de moradia no município e contra o perigo iminente de serem despejados na área ocupada, de propriedade do vereador Odilon Rocha.

Durante a sessão os manifestantes chegaram  a bater boca com o vereador Odilon, que disse que iria tirar os manifestantes de lá. “Quem tem o dever de provê moradia para a população é o Poder Público não é o cidadão”, disse.

Hoje pela manhã os vereadores ficaram de se reunir para tratar do assunto moradia..

 

A maré de azar da praça Mahatma Gandhi

A  situação na praça Mahatma Gandhi anda meio que insustentável. Um esgoto a céu aberto teima em empestar o ambiente com muito mau cheiro. Nos barzinhos e lanchonetes, cerveja, pasteis, sorvetes e churrasquinho misturados com esgoto.

Decididamente, a praça Mahatma Gandhi anda numa imensa maré de azar, além do  elefante branco, também chamado de “Carandiru”, que é aqueles quiosques que foram construídos e que ninguém ocupa, agora a  lama que passa por  cima do asfalto e empresta o ambiente.

domingo, 27 de junho de 2010

Sessão Legislativa na Palmares Sul

 

DSC01756 DSC01754

Na escola Paulo Freire , na Vila Palmares Sul aconteceu a segunda sessão legislativa itinerante (a primeira tinha ocorrido na Vila Sanção, no mês passado), nesse  domingo (fotos acima).

Além de um requerimento do vereador Israel barros, o “Miquinha” e uma indicação, muita tribuna, não só dos vereadores, como também de lideranças locais.

Para o presidente da Câmara Adelson Fernandes (PDT), o trabalho do Legislativo nas comunidades do interior do município é uma forma de integração do Legislativo com todos os segmentos de  Parauapebas.

Pesquisa em fase final

Notícia de primeira mão. Uma pesquisa está em fase terminal de tabulação e vai apresentar números impressionantes. O blog conseguiu algumas informações que  por força da legislação ainda não podem ser divulgadas, mas muita gente que  espera passar o rolo compressor, ou que confia no seu carisma e no seu sorriso bonitinho e não faz nada, ou faz mal, vai cair do cavalo.

A pesquisa também revela a ressureição de quem está se posicionando em assunto que não se admite ficar em cima do muro. É esperar pra ver.

Faisal será mesmo candidato a deputado estadual

Em conversa com o Blog, hoje pela manhã, Faisal Salmen confidenciou que em nenhum momento cogitou a hipótese de ser candidato a deputado federal. “Isso pode ser bom pra muita gente, menos para mim”. O deputado conta que adversários políticos e até lideranças do seu partido já ventilaram a ideia e vieram lhe pedir isso, entretanto, o vereador do PSDB está convencido que o seu caminho é mesmo a Assembleia Legislativa.

Arraial da Sorri Parauapebas

Muito bacana o arraial da Sorri Parauapebas, realizado no sábado, às 19 horas. Além das tradicionais comidas da época, os convidados  foram brindados com uma animada  quadrilha, da qual faziam parte os alunos inseridos no programa de  inserção no mercado de trabalho  da  pessoa com deficiência da entidade. Show de bola.   .

DSC01710

Dicas

Duas dicas par ao domingão, qie se anuncia ensolado. A primeira é a piscina do City Park. Está muito bonito e ainda tem espaço para as crianças.

A outra dica é o Espaço Família, dos amigos Celso e Lázara, da Serve Bem. Localizado entre as duas Palmares, o lugar lá é muito aprazível, próprio para as famílias e o que é melhor, com um peixe da melhor qualidade. Quem estreve lá gostou muito.

Sessão itinerante - Vila Palmares Sul

Hoje a partir das 9 horas, tem sessão legislativa. O projeto Câmar aitinerante, que tem como propósito percorrer as localidfades do município chega a vila Palmares Sul, reduto principal do vereador Miquinha.

Estaremos lá fazendo a cobertura e logo mais traremos algumas informações aos leitores.

Atrás da porta

Domingo é dia do Momento Cultura. O poema de hoje é uma canção de Francis Hime e Chico, gravado por Elis Regina, uma das mais belas interpretações que já se viu.

Atrás da porta

Francis Hime e Chico Buarque

Quando olhaste bem nos olhos meus
E o teu olhar era de adeus
Juro que não acreditei
Eu te estranhei
Me debrucei
Sobre teu corpo e duvidei
E me arrastei e te arranhei
E me agarrei nos teus cabelos
No teu peito
Teu pijama
Nos teus pés
Ao pé da cama
Sem carinho, sem coberta
No tapete atrás da porta
Reclamei baixinho

Dei pra maldizer o nosso lar
Pra sujar teu nome, te humilhar
E me vingar a qualquer preço
Te adorando pelo avesso
Pra mostrar que inda sou tua
Só pra provar que inda sou tua...

sábado, 26 de junho de 2010

Resenha política

Sabem aquele montão de candidatos que eram cantados em prosa e verso para as eleições de 2010? Esqueçam boa parte deles. ### É que o tempo foi passando, vários deles resolveram colocar no bico da caneta as despesas de uma campanha, o desgaste pessoal familiar e até profissional, já que eles deixam tudo, durante três meses para ir atrás de voto. ### E aí muita gente concluiu que não vale a pena. No início da próxima semana candidatos de peso devem anunciar que estão fora da disputa. ### Os rumores mais forte vêm dos lados do PMDB. Bel Mesquita teria confidenciado a amigos que não iria concorrer. Os motivos seriam os custos. ### Não é segredo para ninguém que Bel Mesquita perdeu muito apoio após as eleições de 2008. ### Bel teria dificuldade em remontar suas alianças, uma vez que ao seu lado estão as mesmas figuras de sempre. ### Ainda por falar em Bel, no início da semana 66 filiados entregaram suas cartas de desfiliação, mas ninguém da diretoria quis receber. ### Foi o bastante para que algumas pessoas ligadas ao partido dissessem que a maioria era da família do ex-presidente Edineis Barbosa, que se mudou para Canaã, além de parentes de Francisco Dutra e do ex-vereador Agnaldo Ávila. ### Seguindo na linha das desistências, o pré-candidato a deputado federal, José Maria Benevides o “JB”, que já estava em pré-campanha pode também sair da disputa. O motivo seria o pedido do PDT para que ele assumisse o Detran. ### Pouco importa de quem eram parentes, se não são fantasmas é motivo de preocupação. Debandada em massa sempre é grave. ###JB está com vontade de aceitar o convite, o que significa dizer que ele estaria fora da parada. ### Quem está gostando da notícia é Josemir Santos, que será candidato a federal pelo PPS. Josemir pode ser um dos poucos candidatos de Parauapebas, o que pode significar que ele ter uma grande quantidade de votos. ### Não se surpreendam se alguns que anunciaram que iriam a estadual mudar de ideia e se lançar feral de última hora. ### Quem não pensa em desistir é Jonas Alves do PHS. Esta semana ele deve viajar para Belém para a homologação do seu nome na convenção do partido. ### Frank do PTC e Fábio Sacramento devem assumir o controle do PTC. Com a saída de Marcel Nogueira da presidência, o nome dos dois estão muito fortalecidos. ###

Jogo chocho

Mas que jogo chocho esse Brasil X Portugal, heim. Forante Lúcio e Julio César, ninguém jogou bem. Ainda bem que no próximo jogo voltam Kaká, Elano e Robinho, mas..., ainda assim fica a impressão que falta ousadia e craques à seleção do Brasil (ou será de Dunga?).

Deixa pra lá, vamos aguarsar as oitavas e rezar, rezar muito.

Café da manhã

JADER, ALMIR E JUVENIL NO CAFÉ MATINAL

Zezo Ferreira
I
Jader senta-se à mesa
E diz que não gosta de adoçante
Almir serve o açucareiro e pergunta:
-E o Priante?
II
Jader sacode a cabeça e responde:
-Vou acalmar sua fúria...
Almir faz outra pergunta:
-E a Ana Júlia?
III
Jader responde outra vez:
-Está desesperada.
Depois de um gole de café,
Almir cai na gargalhada
IV
Juvenil puxa conversa:
-Sim vamos ao que interessa.
Jader diz para todos
Que não está com pressa...
V
-E o Vic, vai com Jatene?
O Almir quer saber.
Jader então responde:
-Ele não tem para onde correr...
VI
Jatene só tem de certo o PPS
Diz Juvenil para Almir
Jader levanta a sobrancelhona:
-Deixem que eu ligo pro Jordy
VII
Temos chances de chegar?
Jader para Almir depois do café:
-Nós vamos pro segundo turno
Você pode botar fé
VII
Assim o primeiro encontro
Depois do desafeto
Jader abraça Almir
Embaixo do mesmo teto
VIII
Tapinha na costa clássico
Aperto de mão tradicional
Jader, Almir e Juvenil
Uma nova história matinal
IX
É eleitor amigo
Para ganhar uma eleição
Eles abraçam o inimigo
E beijam até a mão do cão

(do blog do Eldan)

sexta-feira, 25 de junho de 2010

Viagem sem sentido e fora de hora

Como se participassem de um alegre piquenique, os nossos vereadores (menos Faisal, do PSDB e Raimundo Vasconcelos, do PT) pegaram a estrada, rumo a Marabá na última terça-feira. Foram participar do lançamento da siderúrgica de Marabá e fazer parte de um imenso cordão que se esmerou em fazer rapapé para o presidente da república.

Dá para imaginar as conversas amenas dos nossos edis enquanto os veículos que os transportavam devoravam  rapidamente os 165 quilômetros que separam as duas cidades. A campanha da seleção na Copa, o calor insuportável dos últimos dias, a festa que deveria estar rolando em Marabá, enfim, um monte de coisas. O que não passou pela cabeça de nenhum cristão foi que nesses veículos se ouvisse o mais leve murmúrio de indignação, ou de lamentação pelo fato de o  lançamento ser em Marabá e não em Parauapebas.

O editorial dessa semana tem como pano de fundo essa viagem e não os hipotéticos diálogos, que dificilmente saberemos se foram reais (possivelmente não foram). Aliás, o que foi falado na viagem é o que menos importa. O que vale analisar é esse tour sem o menor sentido e fora de hora que nossos vereadores resolveram fazer. Considerando que a festa no município vizinho é em decorrência de um investimento de R$ 3 bilhões e cerca de 15 mil empregos que foram tirados de Parauapebas na mão grande, percebe-se claramente que nossos parlamentares poderiam estar em qualquer parte do mundo; da Conchichina ao Alaska, menos em Marabá, pelo simples fato de que o nosso município não tinha o que comemorar. Só se foram apresentar o sorriso amarelo de perdedores, de quem foi passado para trás e não se deu conta.

É aquela história, na hora em que os vereadores, deputada, prefeito, vice-prefeito e sociedade organizada tinham que se mexer, não o fizeram, ao contrário, assistiram passivamente a mobilização de Marabá pela siderúrgica, agora que a Inês é morta o melhor é lamber as feridas longe dos olhares e do deboche alheio.

O melhor seria fazer o dever de casa e cumprir a agenda legislativa, do que participar de beija-mão em Marabá, afinal, o que tem de gente querendo se manifestar e protestar  na Câmara não está escrito.

Paciência no limite

Vez por outra a população dá mostras que está perdendo a paciência com a Rede/Celpa, empresa encarregada do fornecimento de energia. Há dois dias um consumidor, indignado com a péssima qualidade dos serviços ofertados irrompeu com um veículo, danificando as portas da empresa. Aviso aos navegantes. paciência tem limite.

Pacientes na mão

Uma leitora entrou em contato com a redação do jornal muito indignada. Segundo ela, ontem, o médico Fabrício chegou para atender os pacientes no posto de saúde do Novo Brasil, acompanhado do seu irmão que também é médico. Como só havia um consultório desocupado ele simplesmente se mandou, deixando os pacientes na mão.  Por causa disso, quase houve um quebra-quebra no local.

Precipitação, inexperiência e arrogância

Lutou com nunca, mas perdeu como sempre. Essa é a impressão que o Sindicato dos trabalhadores em Educação do Pará-subsede Parauapebas (Sintepp) deixou após a extenuante luta contra o rolo compressor chamado prefeitura de Parauapebas.

Depois de quase 15 dias de paralisação, nos quais conseguiu mobilizar a categoria, coisa que as coordenadorias anteriores não estavam conseguindo, a greve acabou sem uma só notícia que pudesse ao menos alegrar o universo de professores, que depositou todas as esperanças na nova coordenadoria.

Na minha  opinião foi uma derrota da precipitação, da falta de experiência e até da arrogância. As informações que nos chegaram é que na sexta-feira, no gabinete do prefeito, o sindicato fechara o acordo, sem consultar a categoria, um pecado mortal para qualquer sindicato que se preze.

Mas vamos começar do começo. O sindicato entrou em greve reivindicando 15% de reajuste por perdas salariais e 5% de ganho real, um índice que prometia ser um dos melhores da história. O governo, por sua vez ofereceu 5,7%, chegando depois aos 6,49%. Diante do impasse estava delineado que a paralisação ocorreria, como de fato aconteceu.
Antes de tudo deve-se dizer que o que foi determinante para a derrota do Sintepp foi o aparecimento da liminar, determinando que os professores deveriam retornar às salas de aula em 24 horas, sob pena de pagar R$ 5 mil de multa por dia, além de outras penalidades se houvesse piquetes na porta das escolas.

A notificação, recebida na quinta-feira, durante a ocupação do prédio da prefeitura, balançou a confiança da diretoria do Sintepp e precipitou a derrocada da manifestação. Foi com a liminar na mão, que o prefeito atendeu o comando de greve, sabendo o que deveria ser dito para ganhar a parada. A  bem da verdade, Darci não precisou dizer muita coisa, apenas aquelas coisas que são ditas  em todas as reuniões com grevistas, que o município não pode pagar por causa da Lei de Responsabilidade Fiscal e o que o reajuste era  aquele  mesmo: 6,49%.

A precipitação aconteceu nesse momento. Ao invés de trazer a proposta para a deliberação da categoria, a inexperiência turvou os sentidos dos grevistas e ali, na sala fria foi fechado acordo, alias como previra o prefeito, que de tão confiante se recusou analisar as outras reivindicações da categoria, como a substituição do secretário de Educação e mais transparência na administração pública.

Todos os analistas que acompanharam o caso concordaram que o sindicato ficou com medo da pesada multa, caso a greve continuasse e aí entra a  inexperiência, já que os primeiros pontos de pauta que são negociados são o abono dos dias parados e as eventuais multas. Segundo, a liminar conseguida pela prefeitura poderia ser facilmente  derrubada, já que ela atentava contra o direito de greve, além de estipular um percentual de 75% de professores em salas de aulas, quando a legislação estabelece 30%. Partindo desses pressupostos, a opinião geral, inclusive dos professores é de que o sindicato correu antes de ver o bicho. Mesmo assim alguns avanços foram registrados e há a possibilidade de uma nova paralisação. Resta saber se o sindicato conseguirá mobilizar a categoria novamente.

(artigo publicado no jornal HOJE, edição 419 – Coluna do Marcel)

HOJE 419 já nas bancas

419

Essa  é a capa do HOJE 419, que já está nas bancas. Destaque para a matéria sobre o  lançamento da siderúrgica de Marabá e os prejuízos que Parauapebas terá por causa disso.

Essa moça quer os votos de Parauapebas

DSC09723

DSC09442

Essas fotos foram tiradas há mais de um ano e deveriam estar desatualizadas. O problema é que tudo continua na mesma e os desvios continuam pontilhando a PA-275, no trecho Parauapebas-Curionópolis, o que favorece a ação de bandidos, que aproveitam a redução da velocidade dos veículos situação para realizar assaltos.

Do outro lado da linha, a governadora, arroz de festa de Parauapebas, que além de não resolver o problema da estradas estaduais, na surdina ainda pressionou a Vale para que a usina siderúrgica fosse para Marabá, prejudicando sensivelmente Parauapebas.

Pois é, é essa moça que quer ser reeleita e conta com os votos de Parauapebas. Você votaria nela? Pense nisso.

quinta-feira, 24 de junho de 2010

Baixa na disputa

Com a eventual saída de JB da disputa eleitoral (ele deve ir para o Detran), o time de candidatos a deputads federal de Parauapebas diminui sensivelmente.

Alguns dias atrás circulou a informação que Bel Mesquita teria desistido de ser candidata em 2010, agora JB já admite essa possibilidade.

Com esse novo cenário, quem deve está achando bom é Josemir Santos, pré-candidato a federal pelo PPS, que vai nadar de braçada, sozinho na disputa e com chances de colher uma boa sacola dos quase 60 mil votos líquidos que estarão dando sopa na cidade, entretanto, é bom Josemir não comemorar muito. Esse cenário pode animar alguns pré-candidatos a estadual a mudar para federal.

Sai Marquinho, entra JB

Em conversa com o gerente regional do Detran, Marquinho Correa, o blog teve a confirmação de que ele, Marquinho deve mesmo sair do Detran.

Em seu lugar deve assumir o empresário José Maria Benevides Alves, o "JB", que deve desistir da candidatura a deputado federal, pelo PDT. Pelo menos foi o que adiantou JB, hoje cedo para este blogger, no leilão do Detran.

Leilão de veículos do Detran

Hoje, no auditório da Câmara está acontecendo o leilão do Detran. São 267 veículos entre motos e automóveis a serem leiloados por 20% do valor de mercado. segundo a direção do órgão, o leilão deve atingir mais de R$ 250 mil em volume de vendas.

Pois é, quem está pronto para comprar um veículo meia boca, com preço bem baixinho ainda dá tempo de chegar na Cãmara e fazer uma fezinha.

Juiz autoriza recambiamento para Parauapebas de Camilo e Minego

Alessandro Camilo e Florentino Souza, o "Minego", acusados de envolvimento no assassinato e ocultação do cadáver da comerciária Ana Karina, que estão presos em Belém, serão recambiados para Parauapebas para participarem de acareações e intrerrogados novamente.

O deferimento foi expedido pelo juiz Rogério Tibúcio de Morais Cavalcanti, com o objetivo de que seja localizado o corpo de jovem, que estava grávida de nove meses quando foi morta.

(Fonte Zedudu)

Democratas adiam reunião

A reunião do Democratas que estava marcada para hoje, quinta-feira, foi adiada novamente. A reunião acontecerá na próxima quinta, com a presença do secretário geral do partido no Estado, o vereador Fernando Dourado.

O vereador informou que os últimos acontecimentos políticos ocorridos na capital do Estado exigiam sua presença. Como se sabe, o DEM analisa várias possibilidades de coligação, dentre as quais, caminhar com o PSDB, dependendo para isso da questão da candidatura de Valeria Pires Franco ao Senado, um acordo branco com o PT e até uma composição com o PMDB.

Em razão disso, a reunião ficou para a semana que vem.

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Debandada do PMDB

Conforme  já havíamos antecipado aqui no blog e no jornal HOJE, havia um grande numero de filiados do PMDB descontente e querendo dá no pé.

O blog conseguiu acesso a lista, que segundo as  informações, ainda não foi entregue porque nenhum membro da diretoria do partido quis assinar o recebimento.

Esses filiados podem utilizar o serviço dos Correios ou podem  ir ao Cartório eleitoral com testemunhas e assim se desvincular  do partido. Eis a  lista:

Adão Cardoso Lima, Alaor de Lima Ribeiro Filho, Aline do Socorro Mesquita Dutra, Ana Mesquita Costa Neta, Antônio César de Lima Maciel, Cleonice Madeira, Conceição de Maria Pereira Brito, Daniely Garcez Santos, Edimárcia Pereira Lima, Edivan Barbosa Lima, Eliete Prates dos Santos, Elisângela Ferreira Lima, Elvina Santis Ávila, Erenice Mota Barbosa, Evalmir Barbosa Lima, Evercino Barbosa Lima, Fernando Marciel M. Barbosa, Francinaldo Sirley  Cândido Almeida, Francisco das Chagas Mesquita Dutra, Francisco de Freitas, Hercio Garcez Santos, Hevila Garcez Santos, Hilberto dos Santos Matos, Hilberto dos Santos Matos, Hosmar Mendes de Souza, Ilda Alves Macedo Soares, Ildenir de Jesus Dutra Lopes, Isabel Cristina Souza Oliveira, Jailton José Pereira dos Santos, Jakson de Souza e Silva,  Jane Maria Ribeiro Lima, Jeová Oliveira Santos, João Luizio Serra Câmara, José Amaral Soares, José Antônio Pereira   Torres, José Luís Ribeiro da Silva, Leila L. de Freitas, Lucélia Pereira dos Santos, Manoel de  Jesus Fonseca Amorim, Marcos Aurélio Barbosa Lima, Maria Albertina Pinheiro  Ferreira, Maria  Babosa Lima, Maria das Graças Pereira Matos, Maria de Lourdes de Jesus, Maria Gerbiane da Silva Santos, Maria José Costa Dutra, Maria Letícia Alves da Silva, Maria Madalena Garcez Santos, Mayra Gomes Mesquita, Mônica Samara Silva Lima, Nádia Everlane Silva Lima, Onide Barbosa L ima, Osana Maria Brito Gonçalves, Pedro Bento celestino  da Silva, Railane Santana Silva, Roniclei Barbosa Lima, Ronildo Barbosa Lima, Silvia Leane Barbosa Lima, Silziane Miranda Santos, Tatiane Barauna dos Santos, Thiago Costa Batista, Valdelúcia Sá de Souza, Vaneide Barbosa Lima, Vânia Freitas de Souza, Vitorino Mesquita Csota, Wilker Ribeiro Lima, Wyras  Batista Vieira.

Festival Jeca Tatu

DSC01674        Muita gente na Praça de Eventos

DSC01677

   Esse grupo de forró animou os presentes

O  festival Jeca Tatu começou ontem a noite na Praça de Eventos, com as primeiras atrações do período junino. Comidas  típicas, muito forró e animação foram vistas.

A partir de  hoje começa a apresentação das quadrilhas . 

terça-feira, 22 de junho de 2010

Moradores da Chácara das Nuvens voltam a se manifestar por moradia

DSC01658

              Moradores em manifestação na rua EDSC01651         Veiculo tenta  furar o  bloqueio mas é contido por         populares

 

Seguindo a linha de manifestações verificadas na cidade  nos últimos tempos, moradores da Chácara das Nuvens, localizada nas proximidades da Chácara da Lua voltaram a se manifestar hoje a tarde. Cerca de 100 moradores com faixas, cartazes, ocuparam as  ruas E, o  cruzamento da rotatória da rua 10,  interrompendo o tráfego de veículos por quase duas horas.

Em seguida a manifestação seguiu pela rua  E, em direção a Câmara de vereadores.

O local denominado Chácara das Nuvens foi ocupado em junho de 2008 por populares que não tinha onde morar e fugiam do aluguel.  Segundo consta, a área é de propriedade do vereador Odilon Rocha de Sanção, que tenta tirar os moradores de lá desde então. Odilon inclusive já teria conseguido um mandado de segurança, que nunca foi cumprido.

Por sua vez os moradores afirmam que a área é de preservação ambiental e que também teria sido invadida pelo vereador. ”A necessidade nos fez ocupar a área porque sabemos que ela estava abandonada, ,nós encontramos muito lixo e até cadáver jogado no meio do mato”, disse Ângela Lúcia, presidente da Associação de Moradores do novo bairro, que segundo informação da  própria, conta hoje com 311 pequenas residências na sua grande maioria de madeira .

Manifestação – A manifestação verificada hoje a tarde nas ruas da Cidade Nova, teve como objetivo chamar atenção das autoridades para o problema que se arrasta por cerca de dois anos. Os moradores querem permanecer na área, que é muito acidentada. Ângela reivindica que a prefeitura negocie com o proprietário da área, assim com fizera com a Chácara do Cacau,

Inquerida se a população do novo bairro aceitaria ser inserida no programa “Minha casa, minha vida”, do governo federal e com gerenciamento da prefeitura de Parauapebas, Ângela afirmou que quase todos os moradores se  inscreveram no programa, mas nunca receberam uma visita de ninguém da secretaria de Habitação, “enquanto nosso problema não for  solucionado as manifestações vão continuar”, disse.

O objetivo dos manifestantes também era ocupar as dependências da Câmara durante a sessão legislativa, mas não puderam porque os vereadores tinham viajado para Marabá. para participar do lançamento da siderúrgica.

Projeto Pipa

Nos tempos de candidato a prefeito, Darci Lermen adorava tachar as instalações educacionais de “espeluncas” (de fato eram). Imaginava-se que ele iria varrer do mapa as tais espeluncas, no entanto, não é o que acontece. Um exemplo bem acabado do que a retórica é uma coisa e a prática é outra coisa bem diferente é o Projeto Pipa. As instalações de madeira estão caindo de podre, tudo lá está podre e nem as pinturas conseguem esconder a decadência.

Faisal não participa de lançamento de siderúrgica em Marabá

DSC00130    Faisal: “comemorar o  quê? Só se for a nossa derrota”

Aliás sobre a ausência do vereador Faisal Salmen à alegre cerimônia de lançamento da siderúrgica em Marabá, deve-se dizer que sem lhe prestar nenhum favor, que o vereador do PSDB  tem sido o único político da cidade a se insurgir contra a decisão da Vale de implantar a siderúrgica em Marabá, em detrimento de uma localização mais privilegiada de Parauapebas.

Para ele não faz sentido participar de uma solenidade na qual os interesses de Parauapebas estão sendo jogados na lata do lixo. Para a reportagem ele explicou como se processa a escolha da localização de uma siderúrgica. “Normalmente a localização acontece no ponto de partida, ou seja na mina, ou no final, no terminal marítimo, estranhamente  no caso dessa siderúrgica vai acontecer no meio do caminho, o que por si só denota que o que  está em jogo é o critério político, já que o minério de ferro, que é de Carajás vai ter que chegar até lá, assim como o carvão que vai ser utilizado nos grandes fornos deve vir da China. De longe se nota que os requisitos técnicos não foram observados e Parauapebas foi passada para trás, porque ninguém brigou por nós. No dia da decisão estavam em Brasília, o prefeito de Marabá, os deputados de Marabá, a Câmara de Marabá, a associação comercial de Marabá, a sociedade organizada de Marabá e a imprensa de Marabá. Eles estavam discutindo o que  iam fazer com o nosso ferro e não havia ninguém de Parauapebas lá , nem a deputada, nem o prefeito , nem a Câmara, nem a sociedade organizada, ninguém. É por isso que perdemos esse investimento”, disse o vereador em contato telefônico com o blog ontem a noite.

Faisal luta agora por uma compensação para uma município e tem tentado mobilizar a sociedade para se exija da Vale uma universidade de ponta com cursos avançados como medicina, engenharia, cursos de gestão ambiental, com forma de compensação pelas perdas do município.  ~

Faisal finalizou dizendo que não havia motivos para comparecer em Marabá ou comemorar. “Comemorar o quê? Só se for a nossa derrota”

Vereadores de Parauapebas participam de cena deprimente em Marabá

Tem coisa que nem com muita  boa vontade dá para entende. Hoje não haverá sessão legislativa. O motivo para o cancelamento dos trabalhos legislativa é que os nossos vereadores foram para Marabá para participar alegremente do lançamento da siderúrgica naqueles município.

Presente no encontro o presidente  Lula e os vereadores ao invés de tomar posição contra aquilo que foi uma das maiores rasteiras que o município já levou na sua história, estão lá fazendo rapa-pé e participando do tradicional beija-mão.

Que a sociedade marabaense esteja em festa, vá lá, a final, serão cerca de R$ 15 bilhões em investimentos e uns 15 mil novos empregos, mas, o que Parauapebas vai ganhar com isso?

Vai ganhar mais uma mancha na sua história, a de está sempre sendo preterida, como aconteceu na  questão dos hospitais regionais, dos núcleos universitários e agora com a  questão da siderúrgica que tecnicamente teria que ser em Parauapebas, já que o minério de ferro que irá alimentar os fornos da mega siderúrgica  é de Carajás.

Para privilegiar Marabá, a governadora do PT, Ana Júlia forçou a barra, juntamente com a classe política de Marabá conseguiu levar o investimento que por  direito seria de Parauapebas..

Os nobres edis de Parauapebas estão perdendo uma oportunidade de ouro para repudiar essa velhacaria que prejudicou os interesses do município,

Registre-se que apenas o vereador Faisal Salmen (PSDB) não viajou deixando assim de participar dessa cena deprimente.

Retificação

Referente a postagem da movimentação dos Democratas, uma retificação. Ao invés de Manuel Dourado, leia-se Fernando Dourado, ok?

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Democratas se movimentam para uma nova comissão provisória

Dando continuidade a reestruturação do partido, os Democratas se reúnem na residência do Elias Craveiro hoje a noite para tratar do tema reformulação da comissão provisória do partido. Segundo Jair Diogo, personalidades da sociedade local, lideranças políticas e empresários devem participar dessa nova comissão. Eu estarei lá.

Ser técnico da seleção brasileira

Ser técnico da seleção brasileira exige muito mais do que entender de futebol, ganhar jogos e até levantar a taça do mundo. Já foi dito que é o cargo mais importante do Brasil depois de presidente da República. Exageros à parte, trata-se de uma curiosa combinação de cargo privado – indicado pelo presidente da CBF, e não pelo voto – com responsabilidades públicas. O cidadão brasileiro que recebe essa honra precisa, antes de traçar qualquer setinha no quadro negro, entender que vai precisar prestar contas ao torcedor brasileiro – o que sempre se fez por intermédio de seus imperfeitos porta-vozes, os jornalistas esportivos.

Desde que a bola é redonda, técnicos de seleção brasileira tiveram de enfrentar críticas e campanhas, muitas vezes injustas e orquestradas. Vicente Feola, campeão do mundo em 1958, era acusado de dormir no banco de reservas e de barrar Garrincha por influência de um psiquiatra. Zagallo, tri em 1970, lia e ouvia que chegara ao cargo por imposição da ditadura militar. Nem um nem outro deixou de se comportar como figura pública – como técnico da seleção brasileira – mesmo nos piores momentos.

O atual técnico da seleção brasileira enfrenta críticas – justas e injustas – desde que assumiu o cargo. Houve quem duvidasse de seu sucesso por causa da inexperiência, e mesmo depois que conquistou bons resultados ainda há quem discorde de seus métodos, de seu esquema tático, de sua convocação. Nada muito diferente do que enfrentaram todos os seus antecessores em Copas do Mundo, desde Píndaro de Carvalho.

O que há de diferente é a reação. O técnico da seleção brasileira na Copa de 2010 rompeu todas as barreiras do cargo que ocupa – a última, na entrevista coletiva de ontem, a da educação. Por causa de um meneio de cabeça de um jornalista na primeira pergunta, passou praticamente todo o tempo restante balbuciando palavrões, alguns captados pelo microfone. Ali, não era o treinador que rosnava. Era o cidadão, com as características pessoais que já se tornaram públicas: o rancor, o destempero, o ódio, o flerte com conceitos aplicados em regimes ditatoriais – que ele, filho de professora, diz não saber se eram bons ou ruins porque não os viveu.

Já me manifestei em outros posts sobre o que penso do técnico da seleção brasileira. Acredito nele como treinador, acho que o time que ele comanda tem tudo para ganhar a Copa do Mundo e torço muito para que isso aconteça. Mas – escrevi isso antes da Copa – não acredito nele como figura pública, e o triste episódio de ontem foi a última prova que faltava de que o cidadão que ocupa hoje um cargo tão importante não sabe separá-lo de sua vida privada (assim como já mostrara ao xingar a taça do mundo, erguendo-a como capitão da seleção de 94, enquanto o treinador daquele time, tão criticado quanto ele, dizia “Podem tocar que é nossa!”).

Ao xingar um jornalista, depois da vitória (a vitória!) de ontem, o técnico da seleção brasileira – e não apenas o cidadão que ocupa o cargo – xingou todo e qualquer brasileiro que estivesse assistindo à entrevista coletiva. Era o torcedor que testemunhava a torrente destemperada enquanto celebrava os 3 a 1 sobre a Costa do Marfim e a classificação para a segunda rodada. Por isso pedi desculpas aos telespectadores quando voltamos ao estúdio do Troca de Passes. O episódio motivou uma nota no programa “Fantástico”, da TV Globo, e alguns defensores do treinador – que frequentaram também alguns posts deste blog – já se manifestaram. Este espaço é democrático e estará aberto aos comentários contra e a favor, desde que respeitem os preceitos de não conter palavrões.

Alguns desses comentaristas culpam a imprensa pelos arroubos do técnico da seleção brasileira. Acho vago esse conceito de “a imprensa”. Jornalistas somos vários. Há os que começam suas perguntas nas entrevistas coletivas com frases como “Eu sou do time dos que torcem pela seleção!”, para ver se caem nas graças do treinador. E há os que se preocupam com a qualidade da informação que levam a seus leitores, ouvintes ou telespectadores. Alex Escobar é um deles.

Os que já estiverem pensando em me acusar de corporativismo podem poupar seus teclados. Alex Escobar é mais do que uma das grandes revelações do jornalismo esportivo nos últimos anos – uma carreira cujo começo, na televisão, tive a honra e o prazer de testemunhar, participando com ele dos programas do Sportv. É um de meus melhores amigos, um homem íntegro, que sabe perfeitamente o papel que desempenha diante das telas. Eu o defenderia em qualquer situação, porque confio em suas atitudes à frente das câmeras e fora delas. Se o treinador da seleção brasileira gosta de confundir o cargo que ocupa com suas convicções de cidadão, errou o alvo duas vezes: nem o profissio0nal nem o ser humano que ele quis atingir merecem aqueles xingamentos.

O cidadão que xingou Alex Escobar – e, por extensão, o Brasil – pelas câmeras de TV deu a prova definitiva de que não está preparado para ocupar o cargo de técnico da seleção brasileira, um cargo que não se encerra no trabalho feito em campo, continua no trato com o torcedor brasileiro e seus imperfeitos representantes. Pode ser bem-sucedido na carreira de treinador, levar a seleção a conquistar o hexacampeonato. Mas nem assim terá mostrado ser digno da indicação que recebeu. Ou, como muito melhor do que eu escreveu Aydano André Motta, em “O homem que ama odiar”, post que recomendo: pode ganhar, mas, por pecados que são todos seus, jamais conseguirá vencer.

Meu próximo post será sobre a seleção brasileira. Porque insisto: ela é nossa, e não de seu treinador, muito menos do cidadão que ocupa o cargo.
(Blog do Marcelo Barreto)

Arraial do Fênix

DSC01608

        Quadrilha se apresentando no Arraial do Fênix

No  último sábado, nas dependências da quadra de esportes da escola Chico Mendes, o Centro de Ensino Fênix realizou o tradicional Arraial de São João. Comidas típicas, forró e muita animação foram marcas registradas da festa que atraiu alunos, pais de alunos e pessoas da comunidade.

Seis quadrilhas se apresentaram no local, quatro da própria escola e duas quadrilhas convidadas, sendo muito aplaudidas. Também houve o disputado concurso da rainha do arraial. A aluna Camila Carvalho foi escolhida para representar a escola.

DSC01617       Camila, escolhida a rainha do arraial

domingo, 20 de junho de 2010

Restruturação do Democratas

Na  próxima quinta-feira, o secretário geral do Democratas e virtual candidato a deputado estadual, Ricardo Dourado estará em Parauapebas. O objetivo do visita é reestruturar o partido e trabalhar duro num projeto que vise 2012. As lideranças de Belém não entendem como um partido grande como o DEM não tem representação na Câmara Municipal e mais ainda, como teve uma atuação tão irrisória nas últimas eleições.

Em conversa com Jair Diogo, o blog ficou sabendo que o partido já se movimenta para atrair lideranças emergentes no meio político e nas rodas empresariais para encabeçar uma futura candidatura a prefeito. O  DEM promete.

Vitória para lavar a alma

DSC01511

 

DSC01509

DSC01519

Nada como uma  vitória de 3 a 1 sobre a Costa do Marfim para lavar e enxaguar a alma do povo;

Detran deve mudar

Com a apoio do PDT a candidatura Ana Júlia  é certo que o  Detran de Parauapebas terá nova diretoria, saindo inclusive o gerente regional,  Marquinho Correa. O PDT, que terá a instituição como espaço político  inclusive já teria o nome para o seu lugar. Trata-se do empresário JB, que está relutante porque tem pretensão de ser candidato a deputado federal.

Bom, gente como Marquinho que se comportava como se o cargo fosse vitalício descobrirá  que tudo na vida  é transitório e apenas a morte é definitiva.

Poema – O sonho acabou

 

Eduardo Baqueiro

Não sei se vou conseguir passar para o papel

O que estou sentindo neste momento.

Sinto raiva de mim mesmo!

Raiva por ter o atrevimento de sonhar

com você,

Por ter alimentado uma esperança

que sabia, no fundo, ser em vão...

Estranho é que nos achamos experientes,

Que somos donos da verdade,

Perfeitos...

E, que tudo corre como desejamos...

Não é assim, nunca foi...

Somos engrenagens de uma

máquina imperfeita,

Somos frutos de nossas ânsias e loucuras

E esquecemos que, aquilo que damos,

sempre será aquilo que receberemos...

Esquecemos que plantamos

E  a hora da colheita chega...

Mas eu vou chorar

Eu quero chorar...

É preciso...

Quem sabe amanhã estas lágrimas

me ensinem...

Me ensinem as lições que preciso aprender?

De qualquer forma saio perdendo...

O coração lamentando tua perda,

A vida me cobrando o retorno ao caminho

E esta vontade de não estar aqui...

Não estar em lugar nenhum!

Palavras não serão suficientes

para expressar meus sentimentos.

Hoje sou louça quebrada...

Meus cacos estão perdidos...

Muitos ficaram em você...

Não há como tê-los de volta.

Não partirei,

mas não estarei dentro de você...

Estarei perdido,

fingindo ser o que não sou,

me enganando mais uma vez...

Tentando achar um novo caminho..

Resenha política

Mesmo sem fazer campanha, Valmir da Integral continua ocupando os primeiros lugares nos levantamentos não oficiais de intenção de voto na cidade. ### Valmir deve ser candidato a deputado estadual pelo PDT e pode levar uma grande quantidade de votos nas eleições de 2010. ### Valmir representa o contraditório, a oposição contra a atual administração municipal, apesar de que seu partido, o PDT continua firme nas tetas da administração pública, se beneficiando das prerrogativas do governo e tentando desesperadamente atrapalhar a vida do coitado do Valmir. ### Com um partido desses nenhum candidato precisa de adversários; já os tem dentro de casa. ### Em conversa com a coluna, Marden Henrique do PSOL garantiu que será candidato a deputado estadual.  Com isso, o rol de futuros candidatos em Parauapebas aumenta um pouquinho mais. ### Em conversa com o empresário Jonas Alves, virtual candidato a deputado estadual pelo PHS,  a coluna ficou sabendo que na semana que vem ele viaja para Belém para participar de um encontro com o partido para definir as diretrizes para a campanha. ### Segundo Jonas Alves, o PHS participará de uma coligação proporcional de sete partidos pequenos. Fazem parte desse pool de partidos, o PHS, PRTB, PSDC, PTN, PRB, PTC e PSL. A idéia é eleger três a quatro deputados. ### Jonas calcula que com um pouco mais de 10 mil votos candidatos dessa coligação conquistarão um assento na Assembleia Legislativa. ### Na terça-feira, numa roda política na qual tinha vários petistas, um cidadão que conhece a fundo os caminhos do partido no município disse que o vereador Eusébio era uma decepção, “mais até do que Raimundo Vasconcelos. Ele deixa escapar todas as chances que a política lhe dá”, disse. ### O cidadão enumerou a falta de vontade do parlamentar em crescer politicamente. O fim da picada, segundo esse analista, foi a desistência de Eusébio em sair candidato, vindo apoiar Milton Zimmer.  ### Há quem diga que de todos os candidatos a deputado de Parauapebas, Faisal Salmen é o que reúne as melhores condições de ser eleito a deputado. ### O coeficiente eleitoral do PSDB, que está bem mais baixo e a baixa avaliação popular  da atual administração, seriam determinantes para o sucesso do vereador do PSDB. 

Se escondeu sim

Ontem, encontrei Edilson Conceição, assinante do HOJE e petista de primeira hora.

A exemplo do que havia afirmado o prefeito Darci Lermen, Conceição reclamou do fato de o jornal ter dito que o prefeito havia se escondido na prefeitura e que o gestor ficara retido na última manifestação dos professores, na quinta-feira.

Bom, que o prefeito anda se escondendo na prefeitura isso é fato e já faz um tempão, já que todo mundo na cidade sabe que o gestor praticamente mora fora do município (basta ver que nos primeiros quatro meses de 2010 ele passou apenas 19 dias no município) de modo que é correto dizer que ele se esconde na prefeitura. Sobre a questão da retenção, ele esteve retido sim. retido pelas circunstâncias,  já que não queria sair  e enfrentar os professores, pelo simples fato de não ter o que  dizer (no dia seguinte, bem  orientado ele deu o show sobre o  comando de greve).

.

Sem net

Por causa da falta de conexão de internet no dia de ontem, o Blog do Marcel ficou fora do ar, sem postagens e sem moderação de comentários. Como problema devidamente,resolvido, pedimos desculpas aos leitores pelo transtorno.

Jornal HOJE 418

P - 01

Capa  do jorna HOJE, edição 418 que já está nas bancas. Destaque para  a matéria na qual o prefeito se refugiou na sede da prefeitura parta se proteger da manifestação dos professores.

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Reunião da imprensa


Pessoal da imprensa que tem créditos com o municipio estão reunidos nesse momento com o prefeito municipal. Segundo informações, em breve sairá fumaça branca do prédio da prefeitura.
(Blog do Wanterlor)

Programação da VIII Edição do Festival Jeca Tatu

A Secretaria Municipal de Cultura (SECULT) estará promovendo, entre os dias 22 e 27 de junho, o Festival Jeca Tatu. O Festival está chegando à sua VIII Edição; e, neste ano, o homenageado é o poeta popular cearense, Patativa do Assaré.

Uma das principais figuras da música nordestina do século XX, Antonio Gonçalves da Silva, seu verdadeiro nome, tornou-se nacionalmente conhecido quando Luiz Gonzaga, “o rei do baião”, gravou, em 1964, seu poema Triste Partida.

O poema narra a saga de uma família nordestina, que, sofrendo o fagelo da seca que assolava o sertão, decide se desfazer de suas parcas posses e migrar para São Paulo. O poema tem forte apelo, como se pode ver neste trecho: “Eu vendo meu burro, meu jegue e o cavalo, nós vamos a São Paulo viver ou morrer”.

No relato poético, Patativa também destaca a esperança da conquista de uma vida melhor e o sonho do retorno à terra seca, mas querida: “Se o nosso destino não for tão mesquinho cá e pro mesmo cantinho nós torna a voltar”.

Além da homenagem a Patativa do Assaré, o Festival Jeca Tatu contará com extensa programação, oferecida à população de Parauapebas.

Programação

Dia 22/06/2010 – Terça Feira

15h: Reunião de entrega das credenciais.

20h: Abertura Oficial do Festival Jeca Tatu: Homenagem a Patativa do Assaré.

22h: Show de Forró Pé de Serra.

Dia 23/06/2010 – Quarta Feira

14h – Encontro dos carroceiros para passeata.

15h – Abertura oficial do VIII festival junino Jeca Tatu

16h – Saída da carroçada

19h – Chegada à praça de eventos (local do evento)

19h30 – Abertura solene do Festival Junino e composição da Mesa Julgadora e queima de fogos.

(1°) 20h – Inicio da apresentação da Quadrilha da APAE.

Termino: 20h30

(2°) 20h35 – Inicio da apresentação da Quadrilha Mirim Pipoquinha.

Termino: 21h05

(3°) 21h10 – Inicio da apresentação da Quadrilha Arranca Toco (Deficientes Visuais). Termino: 21h40

(4°) 21h45 – Inicio da apresentação da Quadrilha Mirim Jecas da Roça.

Termino: 22h15

(5°) 22h45 – Inicio da apresentação da Quadrilha Mirim Meninos do Cangaço.

Termino: 22h50

(6°) 22:55h – Inicio da apresentação da Quadrilha Mirim Busca Pé.

Termino: 23h25.

(7°) 23h30 – Inicio da apresentação da Quadrilha Mirim Matutos Nova Geração.

Termino: 0h.

0h05 – Show de encerramento do primeiro dia de Festival Jeca Tatu.

Dia 24/06/2010 – Quinta feira

(1°) 20h – II Intermunicipal de Quadrilhas Juninas.

00h – Show de encerramento do segundo dia de Festival Jeca Tatu.

Dia 25/06/2010 – Sexta feira

(1°) 20h – Inicio da apresentação do Grupo Abada Capoeira

Termino: 20h30

(2°) 20h35 – Inicio da apresentação do Grupo Folclórico Mamulengo.

Quadrilha Arranca Toco.

Termino: 21h05.

(3°) 21h10 – Inicio da apresentação da Quadrilha Os Caipiras.

Termino: 21h40.

(4°) 21h45 – Inicio da apresentação da Quadrilha Arranca Toco.

Termino: 22h15.

(5°) 22h20 – Inicio da apresentação da Quadrilha Espuletada.

Termino: 22h50 horas

(6°) 22h55 – Inicio da apresentação da Quadrilha de Salão de Salão Explosão Jovem.

Termino: 23h25.

(7°) 23h30 – Inicio da apresentação da Quadrilha de Salão Rosa de Ouro.

Termino: 0h.

0h – Show de encerramento do terceiro dia de Festival Jeca Tatu.

Dia 26/06/2010 – Sábado

(1°) 20h – Inicio da apresentação da Quadrilha Caipira Príncipe da Roça.

Termino: 20h30.

(2°) 20h35 – Inicio da apresentação da Quadrilha Caipira Fogo no Rabo.

Termino: 21h05.

(3°) 21h10 – Inicio a apresentação da Quadrilha Caipira Flor do Primavera.

Termino: 21h40.

(4°) 21h45 – Inicio da apresentação da Quadrilha Caipira Flor do Sertão.

Termino: 22h15.

(5°) 22h20 – Inicio da apresentação da Quadrilha Caipira Cabras da Peste.

Termino: 22h50.

(6°) 22h55 – Inicio da apresentação da Quadrilha Caipira Só Triscano.

Termino: 23h25.

(7°) 23h30 – Inicio da apresentação da Quadrilha Caipira Chapéu de Palha.

Termino: 0h.

0h – Show de encerramento do quarto dia de Festival Jeca Tatu.

Dia 27/06/2010 – Domingo

15h – Inicio da Gincana Cultural entre as agremiações juninas.

Termino: 19h.

(1°) 19h30 – Inicio do Primeiro Concurso Miss Gay Caipira.

Termino: 20h30.

(2°) 20h35 – Inicio da apresentação do Grupo Folclórico Kuarup.

Termino: 21h.

(3°) 21h05 – Inicio da apresentação da Quadrilha Vice-Campeã do Festival Junino Jeca Tatu 2009 “ACADEMICO”.

Termino: 21h35.

(4°) 21h40 – Inicio da apresentação da quadrilha campeã do festival junino Jeca Tatu 2009 “JOVENS DO CANGAÇO”.

Termino: 22h10.

23 horas: Show de encerramento do Festival Jeca Tatu.

Dia 28/06/2010 – Segunda feira

15h - Inicio da apuração das notas.

Termino: 19h.

19h30 – resultado oficial do VIII Festival Junino Jeca Tatu 2010.

Todos os dias do evento teremos brincadeiras, como: pau-de-sebo, cabra-cega, entre outras e também forró pé de serra.

Josemir participa de encontro e reafirma pré-candidatura


Na semana passada, o pré-candidato a deputado federal pelo PPS, Josemir Santos participou de um encontro do PPS na capital do Estado e reafirmou sua condição de virtual candidato junto à Executiva estadual do partido.

Na ocasião ele recebeu todo apoio por parte do presidente estadual do partido, Arnaldo Jordy e do vice-presidente, João Salame. Ambos são deputados estaduais pelo PPS.

Em entrevista ao jornal, Josemir, que foi candidato a vereador em 2008, recebendo quase 600 votos afirmou que a cada dia ficava mais animado com a possibilidade de colocar seu nome à disposição da população. “O que a gente nota é que a população tem recebido nosso nome com muita simpatia”. Ele espera que o voto do paraupebense seja destinado aos candidatos locais, “Esses votos de Parauapebas não devem migrar para candidatos que são de outras localidades, porque eles não têm compromisso com as nossas causas, a questão do estado do Carajás, ou a vinda de recursos para a região”, disse.

Josemir ficou muito satisfeito com o encontro do partido, na Câmara de vereadores de Belém, no qual 58 diretórios de todo Estado se fizeram representar. “Nós trabalhamos nos dois dias de encontro as diretrizes do partido, que ainda não definiu a questão das eleições majoritárias, mas exigiu fidelidade partidária de cada candidato”. O pré-candidato adiantou que pretende levar sua futura candidatura aos municípios da zona de influência de Carajás (Parauapebas, Curionópolis, Eldorado e Canaã) além de outros município onde amigos e lideranças políticas já lhe declararam apoio, “o nosso objetivo é apresentar nosso nome ao maior número de pessoas”, disse o futuro candidato.

Cidade Nova barra pesada

Apesar da grife, a Cidade Nova continua a mesma. Não se pode vacilar que a vagabundagem cai matando. Ontem um elemento em plena luz do dia tentou assaltar uma mulher com uma faca. Só não atingiu o objetivo por que foi descoberto a tempo e correu, enquanto a moça gritava desesperada. A vizinhança queria dar um pau no elemento, mas o camarada tirou o time de campo rápido e rasteiro.

Submundo do desenvolvimento

Tanto nos bairros mais antigos como nos mais recentes se verifica uma situação que é comum a todos: o mau cheiro impera, como se fôssemos uma cidade centenária. Na semana passada estive no Primavera e fiquei estarrecido com o odor desagradável de uma via pública, considerada bem urbanizada. O asfalto estava lá, não havia poeira, mas o esgoto corria tranquilamente pelas sarjetas, oferecendo à população doenças e a impressão que se vivia no submundo do desenvolvimento.

O que se nota é que em Parauapebas nunca houve a preocupação com essa coisa chamada sistema de esgoto. O atual prefeito e os que passaram “andaram” para essa necessidade. Durante os dois mandatos da então prefeita Bel Mesquita a cidade recebeu o projeto “Chão preto”, que asfaltou boa parte da cidade e nenhum metro de rede de esgoto. A cidade ficou bonita, mas fedia pra caramba.

Embora dinheiro nunca tenha faltado no caixa da prefeitura, o atual também passou batido e essas “bobagens” não fizeram parte do metiê.

Tanto Bel Mesquita com Darci Lermen são oriundos de regiões civilizadas onde não se coloca um metro de asfalto sem antes ter sido implantada a tubulação de esgoto.

Por que então nunca fizeram isso, se sabiam que era necessário, não só por ser uma questão de saúde pública, mas até mesmo pela questão urbanística? Resposta: pela lógica perversa de que esgoto fica debaixo da terra e não dá voto, ao contrário do asfalto, que salta aos olhos e costuma ser uma máquina de eleger prefeito.

Na outra ponta da corda, à mercê dos interesses políticos, o povo, que ainda não percebeu que esgoto é algo inalienável, inegociável, que não é favor nenhum de um governante dotar a cidade desses bens públicos, ao contrário, é obrigação, assim como é um direito do povo.

Evidentemente que isso ainda é uma questão de educação. Povo civilizado não aceita asfalto sem esgoto, porque sabe que o asfalto pode até tornar a cidade bacana e sem poeira, mas esgoto é o be-a-bá de uma civilização, fundamental na prevenção de doenças como diarréias, verminoses e mais um monte de patologias.

Ainda hoje se vê manifestações populares por asfalto, mas a questão do saneamento básico é constantemente esquecida. Isso tem que mudar.
(artigo publicado no jornal HOJE 418 - Coluna do Marcel)

O show do Darci

Informações concretas dão conta que na reunião de hoje, entre membros do Sintepp e o prefeito Darci Lermen tudo ficou comd antes no quartel de Abranches. Em outras palavras, é só 6, 49% e pronto. Quem não quiser que vá se queixar pro bispo.

Segundo informações, o prefeito deu um show e calou a boca do pessoal do comando de greve. Nesse momento, o pessoal do Sintepp está tentando explicar à categoria o chapéu que todo mundo levou do prefeito. Tanta confusão para sair o gasto pela despesa.

Professor Marcos

Um comentário muito carinhoso e que nos enche de orgulho está sendo reproduzido. Da nossa parte agradecemos a confiança e esteja certo que trabalharemos para continuar merecendo a credibilidade.

"Mais uma vez parabens Marcel pelo brilhante serviço social que vem fazendo ao nos informar com exatidão os acontecimentos. Saiba que a sua presença nos movimentos deixa em nós, professores uma certeza de uma informação respeitosa, sincera e sem tendenciamentos.
Professor Marcos"

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Professores retornam ao trabalho no dia 21

Deu no Blog do wanterlor agora há pouco. Professores se reuniram com o prefeito e assinaram termo de compromisso para retornarem as negociações a partir de amanhã.

Os profissinais da e ducação voltam ao trabalho a partir do dia 21. Melhor poara os alunos.

Comentário indignado

Quem não conhece é que compre esse prefeito "Darci Lesma", e o Luiz das telhas. Só conhecemos o verdadeiro carater de um homem quando damos poder a ele. e foi isso que aconteceu fomos confiar nesse lesma e olha no que deu.

Anos atrás quem não lembra das greves que faziam Darci e Luiz, agora eles nem ao menos quer falar com o povo que o colocou na prefeitura. quero deixar só um recado pra ele: " O mesmo povo que te colocou na prefeitura, pode a qualquer momento lhe tirar a pontapés". por isso mais respeito com o povo Darci. ah! esse papo de que não da pra atender as reivindicações é conversa pra boi dormir pois toda população sabe que parauapebas recebeu so do FUNDEB r$ 10.992.236,68, fora o que a Vale paga de royalties e por ai vai. Vê se toma vergonha prefeito. Vejam com seus proprios olhos o repasse da FUNDEB: http://www.sefa.pa.gov.br/site/tesouro/dites/repasse/FUNDEB/2010/fundeb2010pri.html

Cavalgadura enfezada

Na entrada da prefeitura vidros quebrados. Antes que alguém imagine que foi algum ato de vandalismo dos professores que estiveram  se manifestando lá hoje, deve-se dizer que um cavalo meio maluco foi o responsável pelo ato insano, um coice tamanho-família que danificou a vidraça. Dizem que a cavalgadura viu seu reflexo no vidro, não gostou e partiu para agressão. As más línguas, entretanto dizem que  nem eqüinos, que são desprovidos de juízo aprovam a administração do loirinho do Rio Grande e  o resultado é esse. Se os bichos que não têm juízo não gostam, imagine a gent que é mais novinho um pouquinho.  .

Pau que dá em Chico, também dá em Francisco

A notícia de que o prefeito estaria retido na prefeitura explodiou como uma bomba. Junto com ele estaria o secretário de Administração, Luiz Vieira.

Por ironia do destino, Luiz Vieira é o mesmo que no final de 1992 comandou a ocupação da prefeitura pelo Sintepp e manteve retido o prefeito Faisal Salmen, exigindo vencimentos.

Moral da história, nada como uma dia atrás do outro, com uma noite no meio. Quem com o ferro fere como o mesmo será ferido. O pau que dá em chico, dá em Francisco.

Darci retido na prefeitura



Desde as primeiras horas da manhã, centenas de professores estão acantonados na prefeitura municipal de Parauapebas, querendo falar , enfim negociar com o prefeito Darci Lermen, que j´pa chegou de viagem e e se encontra no seu gabinete, juntament ecom seu staff.


Apesar da promessa de que os professores se reuniriam com o gestor, hoje pela manhã a coisa mudou de figura e não havia a menor garantia de que o professores seriam ouvidos.

Por conta disso, o proefeito se encontra retido na sede da prefeitura, nesse momento ainda que os professores digam que ele poderá sair a hora que quiser, desde que converse com os professores.

A cooedenadora do Sintepp disse ao blog que não os professores iriam ficar na prefeitura ainda que haja uma liminar, determinando que os professores devem voltar às salas de aula imediatamente. Luciene Souza, corrdenadora do Sintepp disse que só recebeu a liminar hoje às 9 horas e a categoria teria 24 horas para atender a determinação judicial. A multa pelo descumprimento é de R$ 5 mil ao dia.

O comendo de greve está se reunindo agora para deliberar os próximos passos.

quarta-feira, 16 de junho de 2010

Bengston e Carmona no município

No município os líderes evangélicos candidatos Josué Bengston e Martinho Carmona. Os dois são do PTB e virtuais candidatos a federal e estadual, respectivamente.

Ambos foram recebidos hoje pelo pastor Adriano, da Igreja Quadrangular e devem participar de programações religiosas e políticas. Bengston e Carmona também pertencem a Igreja Quadrangular.

Candidato Copa do Mundo conta com a ajuda da “companheirada”

Luiz Vieira, Antônio Neto, Eusébio Rodrigues, João Bernadino  são alguns nomes da política local que estarão segurando a alça do caixão de Carlos Puty, lugar-tenente, chefe do Gabinete da  governadora Ana Júlia.

Puty (nem sei se se escreve assim) veio em Parauapebas no máximo quatro vezes (e olhe lá) e mesmo assim espera  sair com alguns milhares de votos nas algibeiras. Evidentemente que conta com a prestimosa ajuda da “companheirada”. Esses candidatos Copa do Mundo que só aparecem aqui a cada quatro anos não têm o menor compromisso com as região (já que esquecem até o endereço do município depois de eleitos), ou com o Estado do Carajás.

Todos a favor da região, todos contra  Puty