"De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha
de ser honesto".

(Rui Barbosa)


quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Reivindicações e ... reajuste salarial

2009. Greve dos bancários (exatamente como agora).

Faixas, cartazes, um monte de bancários na frente dos bancos e reivindicar melhores condições de trabalho, mais funcionários, agências mais amplas, fim das filas e... 5% de reajuste salarial.

Depois de quase 15 dias de paralização, o acordo. O governo concedia o reajuste.

No outro dia todo mundo alegre e satisfeito de volta ao trabalho.

Mas, peraí, e as melhores condições de trabalho, a reivindicação de mais funcionários e as agências mais amplas?

Ah! isso a gente negocia depois, o importante foi o reajuste.


Será que veremos esse filme novamente?

Dificilmente fica

Por outro lado, Marcelo Parcerim dificilmente fica no PTB. Registre-se que Marcelo tem uma grande liderança na Igreja Assembleia de Deus e todo mundo está de olho grande no moço. Massud, presidente do PTB ficou chateado com a decisão de Marcelo, mas até hoje pela manhã, ele, Marcelo não havia entregado a carta de desfiliação.

Convites

Uma grande liderança do PTB, que deve ser candidata a vereador em 2012 está sendo cogitada por diversos partidos.

Essa liderança disse ao blog que permanecerá no PTB, mas outros partidos estão de olho e devem intensificar os convites nos próximos dias.

Quiprocó

Maior quiprocó a greve dos professores da rede publica estadual.

Desse vez, o movimento, pontificado pelo Sintepp não teve o apoio dos estudantes. Nas redes sociais acusações de ambos os lados.

Greve

Desde segunda-feira que os bancários dos bancos oficiais de Parauapebas aderiram a greve nacional. Além de outras condições, a classe reivindica reajuste salarial na ordem de 7%.

A greve é por tempo indeterminado.

Saíram

A bem da verdade, já se esperava que alguns filiados do PMDB, recém-filiados levantassem vôo, pedindo a desfiliação.

Mas apesar dos pesares, o esforço do vereador Odilon para mantê-os no partido não foi de todo em vão. Dos seis filiados e pré-candidatos a vereador (Dr. Francisco, José Raimundo, Joseneto Feitosa, Cláudio Caiado, Deibson Rodrigues e Cirilo Páscoa), só três pediram a desfilação. Caiado, Joseneto e Dr. Francisco estão fora do PMDB desde a manhã de hoje.

Segundo as informações, quem assinou o recebimento do pedido de desfiliação foi o presidente Waldir Flausino. Odilon deve ter ficado fulo de raiva.

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Amanhã

Depois da ameaça de arranca-rabo, ocorrido na última quinta-feira, por ocasião da audiência pública que discutiu a falta de moradia na cidade, os vereadores devem está com as barbas de molho.

A sessão legislativa de amanhã (27) pode acontecer de tudo. Caras amuadas, o segundo round entre vereadores, ou... simplesmente nada. Quem tem, tem medo.

Professor Raimundo Moura

Deu no Blog Sol de Carajás que o professor Raimundo Moura, ativista do Sintepp e uma das lideranças do PSOL sofreu uma AVC no dia 23 .

Figura merecedora do respeito do Blog do Marcel e das pessoas sérias dese município, to professor Raimundo Moura recebe nossa torcidsa pela sua sua pronta recuperação.

Moradores do entorno do mercado preocupados



Moradores do entorno do Mercado Municipal estão preocupados. É que a estação das chuvas está se aproximando e até agora não há um projeto sequer de drenagem ou canalização do igarapé que localiza-se nas prximidades e é responsável pelos constantes alagamentos na temporada da chuva.

O igarapé (fotos do arquivo) no verão parece manso, mas basta uma hora de chuva para invadir ruas e o mercado.

Nova geração de quebra-molas

Uma nova geração de quebra-miolas está nas pistas e mostra que o governo municipal está trabalhando pacas.

Pobre de nós. Quebra-mola é considerado obra.

Manifestação

Hoje pela manhã, estudantes das escolas do Ensino Médio da cidade protestaram em vários pontos da cidade. Como já havia antecipado o líder Estudantil, Yuri Sobyeski, os alunos são contra a greve deflagrada na segunda-feira.

A alegação é que se aproximam o ENEM e o Prise e a greve poderia prejudicar a preparação dos alunos.

domingo, 25 de setembro de 2011

Chico viaja para o Maranhão

Segundo informações de Davi Chaves, que faz uma espécie de assessoria ao ex-prefeito Chico das Cortinas, ele está viajando para Açailândia e de lá segue para Chapadinha, no Maranhão, onde acompanhará os procedimentos de praxe.

Ainda segundo davi, as vítimas tinham como destino Parauapebas. Eles participariam de um encontro tradicional de família, que ocorre todo mês de setembro.

Ao ex-prefeito e amigo, o blogger externa as mais sinceras condolências e vamos orar para que Deus lhe conceda a consolação. Abraço Chico.

Van com parentes do ex-prefeito Chico das Cortinas bate e nove pessoas morrem

Blog Zedudu


Um Van (tipo Ducato Fiat) chocou-se frontalmente com um caminhão pouco depois das 15:00 horas desta sexta feira, 23, e pelo menos nove pessoas morreram. Boa parte dos que foram socorridos, praticamente pertencem a uma mesma família, que viajavam de Chapadinha para Parauapebas. Entre as vitimas, estão familiares do ex prefeito de Parauapebas Chico das Cortinas.

Todos os feridos, alguns em estado grave, foram conduzidos ao hospital municipal de Imperatriz (Socorrão) por veículos particulares pelo 3º Grupamento de Bombeiros Militar (3º GBM) de Imperatriz, que teve de utilizar alguns equipamentos para retirar os mortos das ferragens.

Entre as nove pessoas mortas há uma crianças. O motorista do caminhão, com fraturas nas pernas, ficou preso às ferragens até ser socorrido pelos Bombeiros. O acidente foi na rodovia MA-125, entre Vila Nova dos Martírios e São Pedro da Água Branca: conforme a reportagem conseguiu apurar, viajavam na van as seguintes pessoas:

Domingos Rodrigues de Sousa
Cleónes Rodrigues de Sousa
Claudionor Rodrigues de Sousa
Clelson Rodrigues de Sousa
Natan Sales de Sousa
Marcela de Sousa (mãe dos menores Sara e Clara) que também estavan na Van)
Keila Rodrigues de Sousa
Alcione Rodrigues de Sousa
Carlos Augusto Lima Pereira
Mauro de Sousa Santos
Angela Maria da Conceição (mãe dos menores Melc e Werick), que também estavam na Van
Antonio Alves Pereira
Adonildo Mendes
Vangleide Castro Cardoso
Bernardo Gonçalves da SilvaJoana D’arc Silva Costa

Os nove corpos estão na funerária Pax-Açailândia, cujo proprietário, de pré nome Jonildo, esteve no local do acidente, e recolheu os fatalizados, levando-os, sem observar os procedimentos legais, já que, inicialmente, essa responsabilidade é do IML (Instituto Médico Legal) após serviços periciais do ICRIM (Instituto de Criminalística).

O que mais chama atenção, é o silêncio da Policia Civil de Açailândia, onde Jonildo demonstra ter amizades que fazem vistas grossas a esse comportamento. Os funcionários do IML de Imperatriz chegaram a garantir que, na noite de ontem, os corpos teriam passado pelos procedimentos do órgão estadual, permitindo que fossem liberados mais cedo para os familiares, ato que agora demandará tempo, já que agora entram em fase de decomposição.

Mesmo não identificados oficialmente, a reportagem já pode adiantar, que, entre os nove mortos, está a criança de pré-nome Clara, que aparenta cerca de cinco anos, e a mãe dela (Marcela), esposa de Clelson, que juntamente com a filha Sara, encontram-se hospitalizados.

Charge


Poema - um sonho

juliana Goes

A música soou nos meus ouvidos entrou no meu coração
Fez com que as lágrimas de saudades
Secassem do meu rosto,
E que a magia da felicidade
Voltasse a ser explícita nos meus olhos
E que por sua vez todos pudessem
Identificar os mais verdadeiros
Sentimentos pelo brilho
Do meu olhar singelo
Por que naquele momento,
Eu me encontrava rodeada de anjos
Por toda minha volta
Sinos tocavam uma leve brisa nos meus cabelos,
Faziam com que eu me
Sentisse leve e solta
Pronta para amar
E você na minha frente apareceu...
Nesse instante os anjos
Espalharam-se e começaram
A cair rosas brancas
E todos que estavam em nossa
Volta se afastaram
E fizeram uma roda em nossa volta
Então nos olhamos nos olhos
E uma lágrima escorreu
Juntando nossas vidas
A mesma gota de lágrima
Que nos uniu no altar
Diante de uma pessoa muito especial
Que mesmo que nos separem
Ira abençoar e ilumina nossas vidas
Ele é aquele que tudo pode Deus.
Então de um sono muito intenso e forte eu me despertei
E vi que não passou de um belo sonho
Com a vida no futuro ate que eu encontrei
Uma rosa branca e uma esperança nasceram em mim
Fazendo com que eu criasse forças para compartilhar todo o
Meu afeto com alguém que gostasse tanto de mim quanto eu dela.
E que esse novo sono se torne realidade.



PV se reúne

Ontem a noite a nova diretoria do Partido Verde (PV) de Parauapebas realizou uma reunião. Como se sabe, o partido tem novo presidente. Saiu Raimundo Cabeludo para a volta de Joelzinho da serralheira.

O partido discutiu os novos rumos e 2012, entretanto, nas rodas políticas da cidade o que se comenta é que o PV já tem o destino traçado. É governo desde criança
.

sábado, 24 de setembro de 2011

Iuri Sobyeski: "Grêmio do Eduardo Angelin se posicionará contra greve dos professores"

Em conversa com o blogger, o presidente do Grêmio Estudantil da Escola Eduardo Angelin, Yuri Sobyeski adiantou que a entidade representativa dos estudantes que ele preside iria se posicionar contra a anunciada greve dos professores, prevista para esta segunda-feira (26).

Como justificativa, o líder estudantil enfatizou que a categoria dos professores teve muito tempo para tentar negociar a aprovação do PCCR, "agora o momento não é oportuno porque estamos em reta final de preparação para o Prise e o ENEM, por isso o Grêmio do Educaro Angelin se levantará contra essa decisão", disse.

Workshop discute rumos da comunicação

Panorâmica do evento que reuniu a imprensa, no Atriun Hotel

O segmento de comunicação de Parauapebas teve a oportunidade de participar de um workshop no salão de eventos do Atriun Hotel.

O evento, promovido pela Vale ocorreu na última quinta-feira (22), contou com a presença de vários veículos de comunicação da cidade e teve como palestrante o mestre em comunicação Cyro Couto. A palestra com o tema “Mercado e Perspectivas” ressaltou as novas tendências da área de comunicação e as relações de clientes e veículos de comunicação, dando ênfase para o planejamento, organização, novas tecnologias e outros nuances do mercado da comunicação.
O evento também serviu para a apresentação de representantes da agência Gama, responsável pela conta da mineradora Vale, bem como apresentação da gerente de comunicação regional, a jornalsta Ana Rita.

Ana Rita ouviu reclamações dos veículos de comunicação da cidade sobre o pouco investimento da empresa em publicidade, principalmente na região e na área de influência da mineradora e ficou de verificar as possibilidades de um trabalho mais consistente.

Na opinião geral, o encontro foi muito proveitoso, ‘‘acredito que de agora em diante podemos retomar uma relação que foi muito boa no passado’’, afirmou um proprietário de jornal.

Tensão e início de confusão na audiência pública que discutiu a falta de moradia



A audiência pública que tinha como objetivo discutir os problemas da moradia e tentar encontrar soluções foi mais movimentada do que se esperava.

Requerida pelos vereadores de oposição, Antônio Massud (PTB), Faisal Salmen (PSDB), Francis Resende (PMDB) e Adelson Fernandes (PDT), o evento aconteceu na quinta (22) e reuniu um grande número de populares, principalmente áreas de invasão da Chácara das Nuvens, Alto Bonito, Nova Vida II, abrigo da Usimig na estrada Ferrovia, e área do Projeto Pipa. O plenário da Câmara também recebeu o secretário de Habitação, Antônio Neto.

O secretário iniciou fazendo uma explanação sobre o programa do governo Federal “Minha casa, minha vida”, que construiu 1000 casas para serem distribuídos para pessoas que estavam cadastradas.

A primeira a se manifestar foi a vereadora Francis Resende, que inquiriu o secretário sobre os critérios utilizados para escolher as pessoas contempladas, “foi veiculado na imprensa que já foram escolhidas 1.200 pessoas para serem sorteadas. Acontece que foram cadastradas 18 mil pessoas e essas pessoas estão sonhando com a casa própria. Nós não sabemos como foi feito a triagem, qual o critério utilizado, porque só 1.200 pessoas participarão do sorteio. Eu tenho certeza que muito mais pessoas deveriam estar nesse sorteio”, disse a vereadora.

Antônio Massud começou dizendo que o município não tinha política de habitação , “hoje milhares de pessoas vivem em área de risco, em invasões porque o Poder Público não tem um política de para doação de terrenos para a população mais carente”. Massud continuou afirmando que o governo desaparecera com R$ 2 bilhões e não fizera obras compatíveis com a arrecadação.

Faisal Salmen culpou o prefeito municipal, Darci Lermen pela situação vivida por milhares de famílias, “prefeito precisa entender o que é governar para o povo. Quando fui prefeito doei o bairro da Paz para a população, o Chico das Cortinas doou o Cortinão, mas esse prefeito não faz nada”. Faisal ressaltou a necessidade de se votar consciente, “o pobre precisa eleger um prefeito comprometido, porque ele vai precisar do prefeito para providenciar água, saúde, educação, o rico não precisa de prefeito, mas o pobre sim”.

O quarto requerente da audiência pública, o vereador Adelson Fernandes voltou a cobrar clareza nos critérios de escolha do programa Minha casa, minha vida. Adelson citou o caso do programa habitacional de Marabá, que segundo o vereador tinha contemplado filho de vereador, empresário e “hoje muitos alugam os apartamentos por R$ 1 mil por mês. Nós queremos que as casas sejam distribuídas para quem realmente precisa”.

Odilon foi outro que exigiu transparência nos critérios de escolha, “apesar de ser líder do governo, vou ficar de olho para que haja transparência”. Odilon tranquilizou os moradores da Chácara das Nuvens, do abrigo da Usimig e moradores da área do Projeto Pipa, informando que o governo já adquiriu a área, “vocês já foram verificar a existência da área, agora falta urbanizar para vocês”, disse.

Outros vereadores também se pronunciaram. Israel Barros, o “Miquinha” disse que era completamente a favor que a população pudesse ter a sua casa própria. No final da sua fala, Miquinha alertou que existiam muitas pessoas que já tinham sido beneficiadas por outros programas e tinha vendido os imóveis e estavam infiltradas nos movimentos, “é preciso ser rígido nessa questão”.

Tumulto – A audiência pública prosseguiu com seguidas manifestações dos presentes. O estopim de um início de tumulto aconteceu quando o vereador Raimundo Vasconcelos defendeu o governo e foi muito vaiado. O vereador prosseguiu com o discurso e no final disse que o governo poderia desapropriar a área do vereador Faisal Salmen para doação.

Faisal tentou discutir com Vasconcelos, que também se levantou da cadeira, dando início a uma discussão. Os dois foram contidos sob forte manifestação da assistência gritando o nome do vereador.

O vereador Massud foi à tribuna e pediu calma à assistência e os ânimos foram serenados. Mas, o clima ficou carregado até o final, o que acabou inviabilizando o encaminhamento de alguma proposta para ser levada ao prefeito. No final, ficou definido que outras reuniões aconteceriam que eles iriam até o prefeito para tentar resolver o problema.

PP movimenta cenário político e filia pré-candidatos a vereador

Acima, parte da diretoria do partido com os novos filiados
Valdir da Usina assina ficha, assim com Mazinho do Garimpo e Frank


O Partido Progressista (PP) voltou a movimentar a política de Parauapebas. Mostrando que é um forte candidato a ser um dos protagonistas nas eleições de 2012, o partido procedeu a filiação de lideranças e pré-candidatos a vereador.

O ato de filiação aconteceu na quarta-feira (21) na Cidade Nova. Na presença do presidente do partido, Roque Dutra, o ex-vereador Valdir da Usina, Mazinho do Garimpo das Pedras Frank James, ingressaram no partido. Os três devem submeter seus nomes a apreciação do partido, com o propósito de uma possível candidatura a vereador, nas eleições de 2012.

Além desses, o PP também filiou o ex-vereador José Nunes. Ao jornal, Roque Dutra adiantou que outras lideranças estão em fase final de conversação e devem engrossar as fileiras do partido. “Até o dia 30 de setembrol mui ta coisa pode acontecer, mas é evidente que as pessoas percebem que o PP é um partido sério e que prioriza o grupo”.

O partido que tem nomes como Zacarias Assunção, Devanir Martins, Josemir Santos, Fátima Sampaio, Jair Diogo, Washington Produções, Ivan Caldeiras, Ivana Andrade, Anderson Moratório e outros, passa a contar com esses novos nomes.

Copa Aicop começa dia 10 de novembro

No próximo dia 10 de novembro terá início a IV Copa Aicop de futsal. O evento, promovido pela Associação de Imprensa e Comunicação de Parauapebas (Aicop) deverá movimentar o segmento da comunicação da cidade.

Sete equipes disputarão o título de grande campeã da competição. Correio do Pará, Revista Olhares, Inrevista, HD Produções, Arara Azul, Pebinha de Açúcar e TV Liberal estão inscritas no torneiro.

Regulamento – As equipes se enfrentarão em um único turno, jogando todas contra todas, em seis rodadas. As quatro primeiras colocadas na primeira fase disputarão um quadrangular para se conhecer a campeã e vice-campeã.

Para evitar placares de WO, ou seja, equipes que deixam de comparecer em quadra, a coordenação do evento estipulou um calção de R$ 100 reais, que serão resgatados no final da competição. A equipe que deixar de comparecer em quadra perderá o calção e será eliminada do torneiro.

Só poderão participar da competição pessoas que militam na área de comunicação do município.
O valor da inscrição por equipe é de R$ 200,00, que serão revertidos aos cofres da entidade.
O presidente da entidade, Valdyr Silva designou uma comissão para cuidar do regulamento e trabalhar na organização do evento. “Acredito que a IV Copa Aicop será um sucesso”, disse.
Paralelo a isso, a Aicop prepara a tradicional confraternização de final de ano com o segmento da comunicação.

O tempo é o senhor da razão

Essa semana recebi uma notificação da Justiça Eleitoral, referente ao pleito eleitoral de 2008. Transitado em julgado, a multa é de R$ 10 mil e está em fase de execução.
A sentença se refere a campanha eleitoral de 2008, quando disputaram a prefeitura Darci Lermen e Bel Mesquita. Ora, em Parauapebas, até as criancinhas de colo sabem o mundaréu de dinheiro que foi derramado com o propósito de dar a vitória para o candidato do PT. Pessoas de dentro do próprio partido estimam que rolaram mais de R$ 20 milhões, o que de certa maneira inviabilizou obras da prefeitura por quase dois anos.

Desde o início da campanha o jornal HOJE se posicionou contra o prefeito Darci Lermen, que mais tarde seria reeleito. Não era contra pelo simples fato de ser contra, mas, porque entendia que o primeiro mandato de Darci fora um desastre, e que a cidade sofreria quatro anos de atraso caso ele voltasse a ganhar a eleição. Para inibir as matérias do HOJE, o grupo do atual prefeito, tendo a frente a atual secretário de Finanças Ernandes Margalho, adotou a estratégia de processos em série e o jornal foi processado cinco vezes. O objetivo era intimidar o jornal e tentar cavar uma eventual condenação na justiça. Nem é preciso dizer que o grupo do atual prefeito conseguiu seus objetivos. De tanto bater na porta da justiça, conseguiu a condenação do jornal e de quebra ganhou uma eleição, na qual a oposição fora escalada para perder.

Hoje, depois de quase três anos; depois de mais de um R$ 3 bilhão jogados no ralo da incompetência e da safadeza; depois da perda de R$ 47 milhões do PAC que atual governo irresponsavelmente deixou voltar; depois da perda da siderúrgica para Marabá, que o governo relapso perdeu sem ao menos lutar; depois de perder a Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará para Santana do Araguaia me pergunto se valeu a pena a luta travada em 2008, ou se eu estava errado em denunciar as jogadas ensaiadas como a construção do hospital e o salto descarado de R$ 8 milhões na licitação inicial para os R$24 milhões de agora.

Com o resultado das eleições de 2008, na qual Darci Lermen ganhou até com certa facilidade, a inevitável pergunta surgiria: Será que eu estava errado, enquanto a maioria da população que votou em Lermen, certa?

O tempo é o senhor da razão, diriam os mais antigos. A verdade é que há uma decisão judicial para cumprir e isso não se discute, mas, ainda que não sirva de consolo, a tragédia administrativa que eu previra e que tentei evitá-la se materializou e hoje mais de 70% da população lastimam o palpite infeliz de ter dado um segundo mandato ao atual prefeito.

Quer saber? No fundo gostaria de ter errado as minhas previsões.


(artigo publicado no jornal HOJE - Coluna do Marcel)

HOJE - 474



Capa do HOJE nas bancas e nas ruas. Destaque para o sururu na Câmara na última quinta-feira.

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Reunião discute greve, prevista para segunda

Nesse momento começa uma reunião na escola Educardo Angelin, envolvendo a direção da escola-sede, os grêmios estudantis e o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará (Sintepp).

A pauta da reunião é a paralização prevista para segunda -feira (26) por tempo indeterminado. O Sintepp cobra a implantação do Plano de Carreiras e Cargos Remunerados (PCCR).

O Sintepp acusa o governo estadual de não levar a proposta para aprovação na Assembleia Legislativa.

Passeio


Em comemoração à Semana Nacional da Fauna, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma) levou durante a manhã de segunda-feira, 19, mais de 50 alunos da 4ª série do ensino fundamental das escolas Eunice Moreira e Jean Piaget para visita ao Parque Zoobotânico em Carajás, onde passaram momentos agradáveis em contato com a natureza.

Sururu


Está dando um sururu danado a informação de que a secretaria de Habitação usou critérios, digamos, pouco convencionais, para não falar em algo mais ascabroso na escolha dos 1.200 nomes que seriam enviados à Caixa para o sorteio das 1000 casas do Programa ‘Minha casa, minha vida’’. O correto seria sortear todo os 18 mil cadastrados, de uma forma transparente e limpa, o que não aconteceu.

Gato escaldado...

Gato escaldado tem medo de água fria. A suspeita sobre possíveis jogadinhas é justificável, ainda mais quando se sabe que as 1.200 famílias que vão participar do sorteio já foram escolhidas e não se sabe quais foram os critérios utilizados. Não se pode esquecer que no passado teve gente que conquistou até mandato de vereador às custas da distribuição de casas populares para apaniguados.

Comunicado



O Serviço Autônomo de Água e Esgoto deParauapebas (Saaep) informa a toda população que o abastecimento de água foiinterrompido nesta terça-feira (21) devido a uma ruptura na adutora principal (de 600 mm) localizada à Rua Cristo Rei, o fato se deu em decorrência dos serviços de pavimentação que estão sendo realizados nesta área. Devido ao ocorrido, todos os bairros, com exceção dos bairros pertencentes ao Complexo Altamira ficaram sem abastecimento.

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Audiência pública discute problema da moradia em Parauapebas

Hoje às 16 horas a Câmara realizou uma audiência pública para discutir a falta de moradia na cidade. O requerimento foi assinado pelos vereadores Antônio Massud, Faisal Salmen, Francis Resende e José Adelson.

Cerca de 300 pessoas lotaram as dependências da Câmara, os corredores e mesmo fora do prédio muitas pessoas, advindas da Chácara das Nuvens, Projeto Pipa, Lixão, área da Saaep e abrigo da Usimig se f aziam presentes.

Na audiência foram tratados os temas como a falta de moradia, falta de políica pública para resolver o problema e principal mente , o critério adotado para contemplar as pessoas inscritas no programa do governo federal "Minha casa, Minha Vida".

Depois da fala dos vereadores, os inscritos se manifestaram e reclamações e reivindicações por moradia foram externadas.

Depois do evento ficou claro que o Poder Público não tem como empurrar o problema com a barriga. No encontro momentos de muita tensão, nos quais temeu-se um quebra-quebra na Câmara e os ânimos só foram serenados depois de um pedido ao microfone do vereador Massud. Policiais da Polícia Militar fizeram a segurança do prédio

Calcula-se que haja mais de 5 mil famílias carentes que necessitam de um terreno. São famílias que vivem em áreas de risco ou em condições sub humanas.

Audiência - o tempo fechou

O tempo fechou mesmo foi quando o vereador Raimundo Vasconcelos usou a palavra para dar a sua opinião sobre o problema da falta de moradia.

Os apupos da assistência já eram esperados. Um jornalsita chegou a antecipar, afirmando que se Vasconcelos tentasse defender o govenro seria vaiado.

Como o vereador petista persistiu na defesa, o público vaiou demoradamente, o que acabou se to rnando uma barulho ensurdecedor. No final, o vereador sugeriu que o vereador Faisal Salmen doasse, vendesse sua terra para colocar os sem teto no local. Faisal não gostou e o clime ficou tenso. Os dois se encararam e o público se manifestou longamente.

No final, depois de uma água milagrosa no reservado, os dois voltaram para o plenário, mas o clima ruim permaneceu.

Audiência - a observação de Wanterlor

Ao ver a movimentação das massas na Câmara, o blogueiro Wanterlor Bandeira chegou a conclusão que a oposição encontrou por mero acaso uma importante ferramenta. As audiências públicas. "eles requerem e depois mobilizam as massas, enchem a Câmara e acontece isso aí".

Wanterlor velho de guerra tem toda razão.

Audiência - as duas coisas

Apesar de o clima está tenso, a audiência pública que discutiu a moradia teve momentos de pura comicidade. O impagável Miquinha usou a tribuna e cheteaddo com algumas vaias perguntou ao auditório: "vocês vieram a qui para reivindicar moradia ou vieram para xinguar o prefeito, o secretário de Habitação e os vereadores da base?". Na falta do que fazer, um gaiato respondeu: "as duas coisas".

Miquinha: "ah sim, eu só queria entender".

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Pavão

A última de hoje. O amigo Francisco Pavão, que nas últimas eleições para vereador mandou bem pacas, obtendo perto de 1.800 votos, confirmou ao blogger que será novamente candidato.

Mesmo com muitos assédios, Pavão confirmou que ficará no PTB e não abre mão de lutar por uma cadeira no Legislativo.

Fogo castiga morro perto da rua Marcos Freire




Um incêndio de grandes proporções ainda acontece no morro que margeia a rua Marcos Freire. Segundo informações dos próprios moradores, o fogo começou na manhã de hoje, quando alguns moradores atearam fogo no mato para limpar uma área e em pouco tempo as chamas cresceram e saíram do controle.

No final da tarde, com o vento mais forte, o sinistro se alastrou e em em pouco tempo varreu a vegetação do local. Nas primeiras horas da noite, chamas de quatro metros de altura criavam um espetáculo assustador e era possível ver as chamas de uma grande distância.

Temendo o pior, moradores tentaram avisar o corpo de Bombeiros, mas, as ligações caiam na central de Marabá. Até às 21 horas, os bombeiros ainda não haviam chegado ao local. Devido ao vento, havia o perigo de alguma faisca cair no telhados das residências mais próximas, ocasionando prejuízos e risco à integridade física dos moradores.

Até o momento não foi registrado nenhuma pessoa ferida. É comum esse tipo de ocorrência no período de estiagem, em virtude da vegetação está muito seca e o pouco cuidado dos moradores com o risco de incêndios.

Suplementação do orçamento na resenha dos vereadores

A sessão legislativa de hoje terminou por voltas das 18 horas, mas a resenha entre os vereadores, depois da sessão foi até às 20 horas.

Na pauta, a suplementação do orçamento de 2011, na ordem de 30%. O vereador Massud (PTB) adiantou que votará contra, " a menos que o prefeito diga onde gastou os R$ 370 milhões", sentenciou.

Valmir confirma saída ao blogger



Ontem a noite, o blogger conversou com o empresário Valmir da Integral. Como não poderiadeixar de ser, o tema foi a sua saída do PDT e o ingresso no PSDB

1) Valmir confirmou que teve que tomar uma decisão muito difícil que foi deixar o PDT.

2) Valmir esperar contar com o PDT num futuro próximo, "as portas estarão sempre abertas para esse grupo maravilhoso", disse.

3) Ele ainda não assinou a ficha de filiação no PSDB, mas deverá fazê-lo nos próximos dias .

4) Ele espera construir uma grande frente, uma grande aliança política para 2012.

5) Como não poderia deixar de ser, ele esperar ser vencedor nas eleições de 2012.

Charge

A luta pelo poder

Ilimar Franco, O Globo

Com a oposição fragilizada, a luta política está polarizada pela disputa: PT x aliados. Os petistas já elegeram seus objetos de desejo na primeira reforma ministerial: Transportes, Cidades e Esporte. Por isso, fomentam rebeliões no PP e no PR contra Mário Negromonte e Paulo Passos. O PMDB também está em campo. Quer mais pastas. O PT tem um ministro a cada 4,9 votos no Congresso. O PMDB tem um ministério a cada 25,2 votos.

Washington Produções

Hoje cedo encontrei o amigo Washington Produções. Mesmo depois de uns tombos e vários contratempos, Washington vai levando a vida com muita coragem e tranquilidade.

Para o blog ele confidenciou que deverá ser candidato a vereador em 2012 novamente. Ressalte-se que nas eleições de 2008, o moço foi candidato a obteve 470 sufrágios. Ele está muito animado.

Mais lojas no Shopping

Planet Comunicação - Sandra Bispo

Mais sete lojas abrem suas portas no Unique Shopping Parauapebas este mês. Entre elas está a Mila Bernardes Joias Contemporâneas inaugurada com um mix de acessórios que fará a cabeça damulherada. Com destaque em várias cidades do país, a marca ganhou mercadodevido a variedade de produtos a preços acessíveis, que não atendem apenas opúblico feminino, mas também o masculino e infantil.

Quem também abre oferecendo mais opções emacessórios é a Ótica Maia, que atua no mercado óptico e de jóias. A ótica trabalha com armações e óculos solar criados pelas melhores grifes nacionais einternacionais.

Os clientes também terão mais variedades no setor de moda, com as lojas Bangalore e M. Officer. De propriedade do estilistabrasileiro Carlos Miele, a M. Officer recentemente teve uma grande exposiçãointernacional, conquistando famosas clientes como Sarah Jessica Parker,Jennifer Lopez, Beyoncé, Eva Longoria, Christina Aguilera, Camila Belle eScarlett Johansson.

Além das lojas citadas, o Unique tambémconta agora: com uma a agência de viagens, a CVC; com uma farmácia, aExtrafarma, primeira do ramo a se instalar no shopping e mais uma opção para apraça de alimentação, o tão aguardado Bob’s, que terá um quiosque e uma loja no empreendimento.

Evento do Odilon na Câmara

O Blog do Wanterlor informou que haviam cerca de 600 pessoas no auditorio da Câmara, no evento do lançamento da pré-candidatura do vereador Odilon Rocha, no último sábado.

Bom, como o auditório só cabem 180 pessoas sentadas, fica a pergunta: onde se acomodaram as outras 420?

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Aicop convida

Senhores(as):

A direção da Aicop convida a todos os associados interessados em participar da Copa de Futsal da Aicop deste ano para uma reunião a ser realizada às 18h30 da próxima quarta-feira (21), no auditório da Semas (Rua E, esquina com Rua 11). É importante a presença de representantes de times que pretendam participar do evento esportivo, como também dos membros da comissão que organizou a copa no ano passado, munidos de cópia do regulamento do certame.

Sua presença é importante.



Waldyr Silva

Presidente Aicop

Comunicado da Acip

DEVOLUÇÃO - ABAIXO-ASSINADO!!!



SOLICITAMOS UMA POSIÇÃO SOBRE O ABAIXO ASSINADO QUE FOI REPASSADO PARA OS SENHORES RECOLHECEM ASSINATURA DE TODOS OS EMPREGADOS, COM URGENCIA, POIS O PRAZO PARA PROTOCOLAR EM BRASILIA SE ENCERRA AMANHÃ 20/09/2011, E AINDA NÃO RECEBEMOS DE TODO MUNDO.


SENDO ASSIM PEDIMOS NOS DÁ UM RETORNO O MAIS RAPIDO POSSIVEL, SE NÃO TIVER COMO MANDAR ENTREGAR NA ACIP, E SÓ NOS INFORMAR QUE MANDAREMOS BUSCAR AINDA HOJE NA PROPRIA EMPRESA.

NÃO ESQUEÇAM. PRECISAMOS MOSTRAR NOSSA VONTADE DE TERMOS UMA UNIVERSIDADE QUE OFEREÇA UMA GAMA DIVERSIFICADA DE CURSOS QUE POSSA PREPARAR NOSSOS TRABALHADORES PARA AUMENTAR A QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL E NOSSOS FILHOS PARA EVITAR VENHAM A DEIXAR SUA CIDADE EM BUSCA DE UM CURSO SUPERIOR. TAMBÉM PRECISAMOS DEMONSTRAR NOSSA FORÇA JUNTO AO GOVERNO FEDERAL, DEMONSTRANDO QUE ESTAMOS UNIDOS EM BUSCA DE UM SONHO QUE PRECISA TORNAR-SE REALIDADE. AFINAL, A EDUCAÇÃO É O MELHOR CAMINHO PARA O DESENVOLVIMENTO BUSCADO E DESEJADO POR TODOS.

AGUARDAMOS RETORNO URGENTE, ATRAVES DOS TELEFONES: 3356-1871 / 4040, com Luciana ou Vannessa.


Oriovaldo Mateus

Presidente

Dosinha é dose!

Para melhorar o astral do governo e fazer o meio de campo com outros partidos, o prefeito Darci Lermen trouxe um articulador político de fora, por nome de Dosinha. O tempo passou e governo continua sem articulação política.

O PSB não tem grupo de vereadores que possa encarar as eleições de 2012, o mesmo acontecendo com o PSDB, que só tem o vereador Wolner. Nesse período, a Câmara bateu o pé e até agora não aprovou a suplementação de 30% do orçamento.

Estamos praticamente em outubro e não se sabe ainda quem será o próximo presidente da Câmara.

Dosinha é dose!

domingo, 18 de setembro de 2011

Odilon se lança pré-candidato a prefeito

Ontem a noite o vereador Odilon Roca de Sanção fez um evento na Câmara , no qual lançou sua pré-candidatura a prefeito de Parauapebas.

O lançamento acontece há menos de 20 dias quando a cúpula estadual do partido (Jader, Joelcio, Asdrubal, Parsifal etc) disseram em alto e bom som que o partido teria candidato a prefeito em 2012, e que esse candidato atende pelo nome de Bel Mesquita. O que Odilon quer?

Depósito da prefeitura em chamas


Fotos: Vinícius Azevedo Parreria

Incêndio ocorrido no depósito da prefeitura, na PA-160 (entrada que liga Canaã dos Carajás a Parauapebas). Segundo informações, o incêndio ocorreu quando fios elétricos energizados de um poste caíram sobre a edificação. A ação dos Bombeiros impediu que consequencias mais graves acontecessem.
As informações e fotos são do Blog do Zedudu.

Poema - A outra metade

Silvia Munhoz

Eu pude ver um céu azul, jamais visto.

Pude sentir o sol iluminando

minha alma cansada.

Pude perceber a brisa secando

minha face molhada.

Pude ouvir o canto dos pássaros

na minha janela.

Pude sentir o perfume das flores

da primavera.

Pude entender que não estava mais só.

Pude caminhar ao seu lado.

Pude rir de pequenas bobagens.

Pude jogar fora toda minha bagagem.

Pude recomeçar.

Pude reaprender a amar.

Pude chorar de saudade.

Pude morrer de felicidade.

Pude t er você, um dia a me completar.

Recado de uma dona-de-casa

Neste domingo, enquanto trafego pela rua Belém, uma dona-de-casa, moradora da Chácara do Sol me pede para dar uma "chacoalhada" na Rede/Celpa, que segundo ela, não faz nada, enquanto toda semana a localidade fica sem energia pelo menos três vezes, "às vezes a energia chega só em uma fase", disse.

O recado será dado, esperamos que a empresa tome jeito, mas, se deve dizer que não faz o feitio da Celpa ligar para reclamações de quem quer que seja. O negócio só vai funcionar e essa empresa só vai tomar tenência quando houve manifestações e ameaças de quebra-quebra. Aí ela vai sentir no bolso, o que ela faz a comunidade passar.

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Assumiu em Marabá

A última de hoje. O ex-deputado estadual Cláudio Almeida e eterno candidato a qualquer coisa em Parauapebas acaba de asssumir a secretaria de Agricultura de Marabá.

Consta que para prestigiar a nova fase da vida, alguns amigos e correligionários de Parauapebas deram um pulo até o munic
ípio vizinho. Ao Cláudio, boa sore na sua nova empreitada .

Moradores do Nova Vida II pedem ajuda a vereadores



Localizado nas proximidades do Complexo Esportivo e fazendo divisa com o bairro Bambuí, o Nova Vida II é uma conjunto de edificações de madeira numa área não recomendada para moradia. Além da insalubridade de um antigo lixão, o local é cercado de uma encosta íngreme. Ruas semi abertas, poeira e centenas de barracos de madeira ajudam a compor o cenário de abandono, no qual famílias inteiras se submetem a morar em local inadequado para fugir do aluguel.

Ocupando a localidade há mais de dois anos, enfrentando as inúmeras tentativas da prefeitura de retirá-los de lá e às vezes a ação da polícia, os moradores vão resistindo.
Na última sexta-feira, a pedido dos moradores, o bairro recebeu a visita dos vereadores Faisal Salmen (PSDB), Antônio Massud (PTB), Francis Resende (PMDB) e Adelson Fernandes (PDT). Os vereadores que compõem a bancada de oposição da Câmara foram observar in-loco os problemas vividos pela comunidade.

Numa área de montanhas, com lixo recém-aterrado, cerca de 800 famílias vivem em condições precárias e lutam para conseguir um terreno para chamar de seu.
Reunião - A reunião com a comunidade, ocorrida num galpão no alto da elevação contou com centenas de pessoas e com o presidente da Associação de Moradores, Francisco da Silva, o “Doutor”, que defendeu a ideia da derrubada de todos os barracos que se localizam na encosta para que sejam construídos na área do lixão. Segundo ele, “esse foi o acordo feito com o pessoal da prefeitura porque o morro é área de preservação ambiental”, disse.

A posição do presidente da associação foi de encontro com o sentimento da comunidade que sonha com a doação de uma área definitiva pela prefeitura. Doutor diz que a prefeitura prometeu um área, mas exige que as residências da encosta sejam retiradas. “Não adianta derrubar minha casa e reconstrui-la na área do lixão porque depois ela também vai ser retirada de lá”, disse um morador.

Na reunião de sexta, a vereadora Francis Resende salientou que a parte baixa da localidade também representava perigo, “não podemos esquecer que nessa área funcionava um lixão, que sofreu aterro, mas é inadequado para moradia, de modo que não vejo sentido reconstruir as edificações nesse local”, disse.

O vereador Massud afirmou que o objetivo da visita dos vereadores era hipotecar apoio aos moradores, que empurrados pela necessidade, tinham ocupado a área, “a nossa função é verificar pessoalmente a situação da comunidade, ela sabe que pode contar com o nosso apoio. Nós não aceitaremos arbitrariedade, ações ilegais ou chagar aqui com a polícia para tirar ninguém a força”. Massud citou o caso da localidade da Chácara das Nuvens, onde a solução foi costurada com o apoio dos vereadores de oposição, “hoje aquela população aguarda a entrega de lotes, isso pode acontecer aqui”, disse.

No uso da palavra, o vereador Faisal Salmen afirmou que mesmo que o prefeito prometesse algum benefício, a promessa deveria ser vista com reservas, “alguém aqui é capaz de dizer uma promessa que o prefeito fez e cumpriu?”, perguntou o parlamentar.

Faisal orientou a população a não sair do local. ‘‘Vocês só saírão daque se for para ir para um lugar melhor. Nós vamos ficar a disposição de vocês, caso haja alguma ação de retirada, sem ordem judicial, basta nos telefonar”.

População reclama - Apesar de o discurso do presidente da entidade transparecer que tudo estava sob controle, o que se pôde notar é que há uma profunda insatisfação da comunidade com a sua gestão.

Em entrevista, a moradora Genilda Lima Andrade afirmou que Doutor tentara esvaziar a reunião com os vereadores, “ele disse que ninguém deveria comparecer e aqueles que estivessem presentes na reunião teriam os nomes retirados do cadastro”. A moradora disse que o presidente ainda dissera que os vereadores eram da oposição e que galinha que acompanhava pato morria afogada.

O valor da contribuição para a associação também é motivo de reclamação. Maria do Carmo diz que a mensalidade de R$ 20,00 deveria ser paga por quem já tem terreno. “Parei de pagar porque nunca me deram um terreno, sou mãe de quatro filhos e não tenho como pagar aluguel”, diz.

Inaugurado setor de pescados na Feira do Produtor



A prefeitura de Parauapebas, por meio da secretaria de Urbanismo (Semurb) inaugurou na última quinta-feira (08) o setor de carnes e peixes, na Feira do Produtor. O novo espaço é composto de 60 boxes adaptados para a atividade.

Além do secretário de Produção Rural Cloves Laurino, também se fez presente o secretário adjunto de Urbanismo, Edvando Cabral. Um grande número de comerciantes, que trabalha na feira há vários anos também compareceu e participou do sorteio dos boxes.

O espaço exclusivo para o comércio do pescado, carne e aves era uma reivindicação antiga do segmento, que durante muitos anos trabalhou na área externa da feira, sem a menor condição de higiene. Por conta do grande fluxo de pessoas, muitas vezes, as bancas de pescado eram colocadas fora do passeio público e ficavam expostas ao perigo do trânsito de Parauapebas.

Para que o local fosse totalmente revitalizado, uma reforma no galpão da feira foi levada a cabo. Hoje o local encontra-se em plenas condições de funcionamento.

Com isso, o consumidor de Parauapebas tem a sua disposição dois locais para a compra do peixe. O Mercado Municipal no Rio Verde e a Feira do Produtor, na Cidade Nova.

Dos 60 boxes colocados à disposição, 44 serão utilizados no comércio do peixe e 16 para carnes e aves. Segundo o setor de fiscalização da Semurb, os boxes serão entregues aos comerciantes como uma concessão pública. Aquele que já foi contemplado com um box no Mercado Municipal não poderá ter dois boxes, “ele terá que optar, se quer ficar no mercado ou na Feira do Produtor”, disse Dagma Trevisan, do setor de fiscalização da secretaria de Urbanismo.

A Feira do Produtor continuará com a formatação antiga, entretanto, o comércio de frutas, verduras e cereais, advindos da zona rural do município continuará tendo o seu espaço.

Em entrevista, o secretário de Urbanismo Roque Dutra falou da satisfação de ter implantado o mercado do peixe. “Desde que assumimos a secretaria em janeiro, tínhamos a preocupação de dar um espaço adequado para os feirantes. Essa obra é uma parceria da Secretaria de Urbanismo, com a secretaria de Obras e a secretaria de Produção Rural. Apesar de ser um espaço provisório, porque iremos construir um grande espaço para agregar todos os segmentos de feirantes, hoje o galpão de pescado atende as exigências da Vigilância Sanitária na questão da higiene”, finalizou o secretário.

Paulo Monarco - papa festival



Show de bola o Quinto Fempa. Show de bola de Paulo Monarco, de Cuibá que venceu de novo (ele já havia vencido em 2009) com o triunfo, Paulo Monarco, se torna o grande vencedor do Fempa, com duas vitórias.

Rotina desagradável


Quarta pela manhã, uma dona-de-casa é atacada por bandidos que de moto anunciam o assalto e fogem tranquilamente, levando a bolsa, contendo documentos. O episódio, longe de ser novidade, está se transformando numa rotina desagradável. Em qualquer ponto da cidade, em plena luz do dia, basta que a rua seja mais ou menos deserta para que malfazejos e desocupados entrem em ação.

Peripécia de um prefeito maluquinho


Lindolfo Mendes, escreveu no Blog Sol de Carajás que o prefeito maluquinho aprontou mais uma das suas. No início da semana, ele disse que tinha audiência marcada com o Ministro Fernando Haddad para tratar do tema UNIFESSPA (sim, a mesma que foi perdida por Parauapebas). O prefeito gostaria da companhia de dois estudantes do Ensino Médio para dar peso à sua reivindicação. Os dois estudantes seguiram para a capital federal e ficaram hospedados na residência de Lindolfo Mendes. No dia e hora acertado os estudantes foram para o prédio do Ministério de Educação, mas foram informados que não tinha nenhuma audiência marcada. Ah! o prefeito Maluquinho? Também não apareceu. Um interlocutor baastante respeitado de Parauapebas e ciente das coisas do PT j ura que tudo isso é verdade.

Como diria o "caboco", a responsabilidade passou longe, longe...

Retificando II


Continuando a seção retificação, A diretoria do PP informa que Renato do Farturão pertence ao quadro de filiados do PP e não do PSDB, como foi publicado. Renato deve ser candidato a vereador em 2012.

Retificando I


Ao contrário do que foi publicado na edição 472, de que a desavença entre Wandenkolk Gonçalves e Faisal Salmen se dava pela recusa do vereador em apoiar Gonçalves nas eleições de 2008, Faisal informa que não é verdade. Ele, Faisal teria apoiado Wandenkolk sim. Então tá.

Resenha política

A saída anunciada de Valmir da Integral do PDT abriu feridas que dificilmente serão curadas a curto prazo. Por conta do projeto Valmir 2012, o partido entregou os cargos que detinha e foi para a oposição. Agora recebe um duro golpe. ### Segundo o que se apurou a tendência do partido é tomar uma posição de ser sistematicamente contra a candidatura de Valmir da Integral, que deve integrar o PSDB. ### Com isso o PT poderia voltar a flertar com o PDT, mas não se sabe se isso é possível, uma vez que o vereador do partido Adelson Fernandes tem feito uma oposição ferrenha a atual administração municipal. ### Outra alternativa é uma futura coligação do partido com o PMDB de Bel Mesquita, isso se a secretária Executiva do Ministério do Turismo se dispor a ser candidata a prefeita em 2012. A ideia geral é que nesse momento isso seria quase impossível. ### A cada dia crescem as chance de o secretário de Obras, José Couto das Dores, o “Coutinho” vir a ser o candidato a prefeito do PT. ### Muito pelo desinteresse, ou imobilismo dos outros postulantes, Coutinho vai se firmando e hoje em dia transita muito bem nas tendências petistas e nos partidos que compõem a base do governo municipal. ### Quem faz um trabalho excepcional é o empresário Roque Dutra. A coluna não se refere a condução da secretaria de Urbanismo, que vai muito bem, com ações que estão dando uma nova dinâmica à cidade, como a revitalização do Lixão, transformado em um aterro controlado e por último a inauguração do setor de pescados na Feira do Produtor, mas no seu partido, o PP. ### De um partido fraco e sem expressão, que não foi capaz de eleger um único vereador nas eleições de 2008, o PP caminha agora para ser um protagonista e deve eleger de três a quatro vereadores e 2012. ### Chico das Cortinas, virtual candidato a prefeito em 2012 pelo PRP não pára. Juntamente com sua equipe, ele tem visitado diariamente lideranças e pessoas que desejam se candidatar a vereador nas eleições de 2012. ### Com isso ele está conseguindo fazer um bom grupo de pré-candidatos a vereador. A ideia do ex-prefeito é comer pelas beiradas, exatamente como fez em 1991. ### No sábado está programado um evento na Câmara, no qual o vereador Odilon Rocha de Sanção lança sua pré-candidatura a prefeito de Parauapebas. Não se sabe se a coisa vai até o final, mas Odilon pretende levar seu nome à convenção do PMDB, disputando a indicação com a ex-prefeita Bel Mesquita. ### Há um buchicho no PMDB. Dizem que nos próximos dias o vereador Odilon receberia a determinação da cúpula estadual do partido para que deixa a liderança do governo na Câmara. ### Caso isso aconteça mesmo, o partido dá um claro sinal de que nas eleições de 2012 será oposição ao atual governo.

A bronca do PDT e a opção de Valmir

Sobre o tema mudança de partido, que aliás, voltou a ser pauta de blogueiros, jornais e afins, o fato, ou os fatos devem ser analisados com muito equilíbrio. Como a maioria dos partidos são meros guarda-chuvas, que mudam ao sabor das conveniências eles não têm muita moral para exigir ética e coerência dos filiados. A bem da verdade, a maioria está à venda ou embarcam em campanhas, sem ao menos discutir os eventuais projetos políticos que estão abraçando.

O episódio de Valmir da Integral é uma moeda de dupla face, com nuances e desdobramentos que devem ser analisados separadamente, mas, no final as partes terão argumentos pra lá de substanciais.

O PDT tem razão quando reclama que em nome do projeto Valmir acumulou perdas. Para viabilizar e potencializar o futuro candidato Valmir, ele entregou os cargos do governo e foi para a trincheira da oposição. Numa tacada, perdeu a Secretaria de Saúde, DMTT, cargos e assessorias em grande quantidade. Olhando por essa ótica, o partido tem inteira razão quando reclama que Valmir devia fidelidade, até porque o partido se empenhou na campanha de 2010, quando o empresário teve uma sacola recheada de votos. Naquele momento era imperioso que Valmir fosse o contraponto do governo e o partido foi para o sacrifício (ainda que ele tenha usufruído e bem durante seis longos anos de um governo mal avaliado e que ele, PDT não conseguiu fazer a diferença.

E Valmir? Será que ele também tem argumentos capazes de justificar mais uma migração partidária? A exemplo do PDT, o empresário também tem suas justificativas (algumas muito pertinentes, por sinal), a começar pelo fato de ele, Valmir, não é nenhum garoto e a eleição de 2012 poderá ser a sua última tentativa de chegar ao casarão do Morro dos Ventos. Valmir precisa de uma estrutura consistente, o que nesse momento, só o PSDB de Jatene poderá lhe dar.

Já foi dito – inclusive aqui, na coluna – que o governador pouco poderá fazer em termos de votos, ainda mais depois do plebiscito. Se é certo que o governador não terá a menor possibilidade de transferir votos também é real que ele poderá tornar a vida de um postulante ao cargo de prefeito por demais espinhosa e foi isso que que ficou explícito na reunião que Valmir teve com Jatene, na semana passada.

Entre ficar isolado politicamente, sem a menor possibilidade de levantar recursos para a campanha e a chance de ganhar a eleição Valmir optou pela segunda hipótese. Agora, se ele vai ganhar, só saberemos em outubro do ano que vem, mas que as coisas estão se encaminhando, estão.


(Artigo publicado no jornal HOJE - Coluna do Marcel)

HOJE - 473



Capa do HOJE 473, que execpcionalmente vai às ruas amanhã. Destaque para a matéria denominada "Valmir da Integral com os dois pés no PSDB". Outros destaques como Fempa, invasão do Nova Vida II dão um colorido especial ao jornal que está da hora.

Depois da tempestade, a net

Pessoal, sem net desde a tempestade de quarta, vou aproveitar que ela retornou agora há pouco e dar uma atualizada no blog. Os amigos (alguns chatos de doer) não me davam sossego, mas estamos aí, de volta pra casa.

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Aviso

Alô comentaristas, obrigado pela participação. Alguns comentários não foram publicados porque atentam contras as regras do jogo. Acusações sem provas não dá, né?

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Não e não

Abaixo, peça publicitária, produziada pela agência Griffo, uma das mais conceituadas de Belém e que está à frente da campanha contra divisão do estado do Pará.

O slogan "NÃO e NÃO" dá um ideia de profunda arrogância ou falta de argumentos. Ora, ninguém pode dizer não apenas por dizer não. É preciso ter argumentos, mas isso é querer demais da turma que é contra o desenvolvimento da região e a favor das mordomias da capital, bancadas pelo suor das regiões Sul, Sudeste e do Tapajós.